Em setembro, Charlie Sheen já havia sugerido seu retorno em ‘Two and a Half Men; a possibilidade foi reforçada agora por Ashton Kutcher, co-astro da série.

Durante entrevista à apresentadora Ellen DeGeneres, o ator deu a deixa:

“Se você estiver nos estúdios da Warner [onde a série é gravada] e ouvir sirenes, venha me salvar”, disse Kutcher.

Pressionado por DeGeneres, que constatou “Ah, então Charlie volta”, Kutcher depois tentar disfarçar, ao perceber que poderia ter entregado um spoiler.

“Não é bem assim, eu não disse isso. Mas se você sentir algum cheiro diferente, não era eu que estava fumando…”, concluiu, em tom misterioso.

Anteriormente, Sheen revelou que, mesmo com o fatídico desfecho de seu personagem, estava conversando com produtores para encontrar uma maneira de voltar para a sitcom que deixou em 2011, em meio a brigas com a emissora CBS e troca de ofensas públicas com o criador Chuck Lorre.

“Nós estamos tentando descobrir algo que faça sentido. Se eles encontrarem uma ideia e quiserem me incluir no desfecho da série, estou disponível desde já. Mas isso é com eles”, disse o ator na época.

Segundo o representante de Sheen, apesar dos problemas passados, a rede CBS estava receptiva à ideia de uma participação especial dele na 12ª e última temporada.

Aproveite para assistir:

Após ser demitido de ‘Two and a Half Men‘, seu personagem, Charlie Harper, acabou morrendo e Ashton Kutcher entrou na série para ocupar o lugar de Sheen, que logo depois encontrou um novo trabalho, a comédia ‘Anger Management‘, também cancelada recentemente.

O episódio final de ‘Two and a Half Men’ vai ao ar nos EUA em 19 de fevereiro e terá uma hora de duração.

Comentários

Não deixe de assistir:

SE INSCREVA NO NOSSO CANAL DO YOUTUBE