Colin farrell ainda é bastante elogiado por seu papel como o detetive Witwer em ‘Minority Report‘, mas o que quase ninguém sabe é que ele precisou gravar uma das cenas mais de 50 vezes no filme de Steven Spielberg.

O motivo? Uma ressaca depois de comemorar seu aniversário de 25 anos.

Apesar de pedir folga, o ator lembra que o obrigaram a filmar e que não podiam adiar as gravações só porque ele queria se divertir. Isso não o impediu e ele voltou no dia seguinte, completamente desnorteado.

“Foi uma noite difícil e eu não consegui dormir. Eu precisava dizer: ‘Tenho certeza de que todos vocês compreenderam a metodologia paradoxal fundamental do pré-crime’. Eu só sei agora, 16 anos depois, porque causou muito pânico e ansiedade. Deveria estar na minha lápide. Minha irmã estava no set e teve que sair depois de 56 takes. Eu fui um completo desastre.”, admitiu o astro em entrevista ao The Mirror.

Obviamente, ele conseguiu gravar a cena e pelo visto a fala nunca mais foi esquecida por ele. Farrell reconheceu  o erro e relembrou que esta foi a única vez que a bebida afetou seu trabalho.



Comentários

Não deixe de assistir:

SE INSCREVA NO NOSSO CANAL DO YOUTUBE