A saga Crepúsculo tem uma complicada reputação de ser bastante controversa – e, segundo Anna Kendrick, a situação no set de filmagens era bem pior do que se poderia imaginar.

Em entrevista à Vanity Fair, a atriz, que viveu Jessica Stanley na franquia cinematográfica, revelou que não tem memórias muito interessantes acerca do primeiro longa-metragem.

“Rodamos o primeiro em Portland, Oregon, e eu me lembro de sentir muito frio e miserável”, ela disse. “E lembro que meu Conversa estava completamente encharcado e eu pensava: ‘olha, esse é um grupo muito legal de pessoas e tenho certeza de que seríamos amigos em um momento diferente, mas eu quero matar todo mundo’. Apesar daquilo, [a situação] serviu para que nos uníssemos. Havia algo sobre tudo aquilo, como se fosse um evento traumático. Tipo, imagine as pessoas que sobreviveram a uma situação de reféns, e elas se unem para a vida”.

A saga de vampiros criada por Stephenie Meyer terá uma continuação recém-anunciada.

Intitulado Sol da Meia-Noite, o novo romance será lançado no dia 04 de agosto tanto nos Estados Unidos quanto no Brasil.



Até agora, os leitores conheceram essa trama inesquecível apenas pelos olhos de Bella. No aguardado Sol da meia-noite, vamos testemunhar o nascimento desse amor pelo olhar de Edward, mergulhando em um universo novo, sombrio e surpreendente, cheio de revelações.

Conhecer Bella foi o que aconteceu de mais irritante e instigante em todos os anos de Edward como vampiro. À medida que conhecemos detalhes sobre seu passado e a complexidade de seus pensamentos, conseguimos entender por que Bella se tornou o eixo central de uma batalha decisiva em sua vida. Como Edward poderia seguir seu coração se isso significava colocar a amada em perigo? Do que ele seria capaz de abrir mão?

Em Sol da meia-noite, Stephenie Meyer faz um retorno triunfal ao universo de Crepúsculo e nos transporta mais uma vez para Forks, convidando-nos a revisitar cada detalhe dessa história que conquistou milhões de fãs em todo o mundo. Em meio a uma paixão cercada de perigos sobrenaturais, vamos descobrir como Edward encara seus prazeres mais profundos e as consequências devastadoras de um amor proibido e imortal.

Aproveite para assistir:



Diversos internautas estão comemorando a novidade nas redes sociais e torcendo para que a saga recupere sua popularidade:






 

Confira a sinopse do derivado:

Este conto inesquecível é contado através dos olhos de Edward Cullen e explora o evento mais intrigante e provocante que o vampiro experimentou em sua longa: o momento que conhece a linda Bella Swan. À medida que aprendemos detalhes mais fascinantes sobre o passado de Edward e a complexidade de seus pensamentos mais profundos, entendemos porquê essa é a luta decisiva de sua vida. Como ele pode se deixar apaixonar por Bella quando sabe que está colocando a vida dela em risco?

Em 2015, Meyer revelou ao Hypable que estava trabalhando no derivado há mais de dez anos, mas havia interrompido a escrita depois que uma parte do texto acabou vazando online.

Além disso, a autora pensou em desistir da ideia porque o autor E.L. James estava escrevendo um derivado de ‘50 Tons de Cinza‘ focado no ponto de vista de Christian Gray.

“Eu ainda estou trabalhando no derivado, mas quase desisti porque a ideia de E.L. James é muito parecida com a minha. Não vou desistir, mas vou adiar o lançamento. Isso tudo parece até uma maldição, não sei. Toda vez que eu falo sobre isso, algo ruim acontece e é frustrante. Mas minha mãe vai me matar se eu não terminar… Eu devo isso a ela. Em todo aniversário ou Natal, ela me diz: ‘Você sabe o que eu quero de presente’. Então eu não vou desistir.”

Meyer também já publicou vários livros derivados da franquia ao longo dos anos, incluindo ‘Crepúsculo: Guia Oficial Ilustrado da Série’ (2011) e ‘Vida e Morte: Crepúsculo Reimaginado‘ (2015).

No entanto, ‘Sol da Meia-Noite‘ era o mais aguardado pelos fãs.

Publicado originalmente em 2005, ‘Crepúsculo‘ transformou-se em best-seller mundial e deu origem uma franquia de filmes que bateu recordes de bilheteria, tornando-se um fenômeno cultural entre todas as idades.

O último filme da franquia, ‘A Saga Crepúsculo: Amanhecer – O Final‘, foi lançado em 2012 e arrecadou US$ 829,7 milhões pelo mundo, a partir de um orçamento de US$ 120 milhões.

O lançamento acontece em 4 de Agosto de 2020.

 

Comentários

Não deixe de assistir:

SE INSCREVA NO NOSSO CANAL DO YOUTUBE