David Arquette afirma querer retornar para novo ‘Pânico’, mas ainda não foi chamado

Em entrevista ao Movie Web, David Arquette afirmou que adoraria retornar para o reboot de ‘Pânico’, mas ainda não foi abordado pelos produtores do novo filme.

“Eu telefone ainda não tocou e eu não sei nada [sobre o reboot]. Eu sinceramente não sei.”

Ele completa, “Sei apenas que eles estão desenvolvendo um roteiro, aparentemente. Não sei se nossos personagens estarão envolvidos. Seria legal. Seria animador fazer parte disso. Seria triste por não ter Wes [Craven] lá, mas adoraria ver o seu legado continuar. Adoraria ver novos filmes de ‘A Hora do Pesadelo’ e ‘Pânico’.”

Segundo o We Got This Covered, ainda que a produção venha a contar com o retorno dos atores Neve Campbell, David Arquette e Courtney Cox, a franquia vai estabelecer um novo grupo de protagonistas para os próximos filmes.

Isso significa que os personagens antigos Sidney Prescott, Dewey Riley e Gale Weathers podem aparecer na nova produção, mas as participações serão especiais. De acordo com as fontes internas do site, a premissa de abordagem deve seguir o mesmo modelo que está sendo aplicado para a sequência ‘Os Caça-Fantasmas 3‘, que provavelmente trará os astros dos filmes originais, mas focando sua narrativa nos novos protagonistas.

O primeiro filme da franquia estreou em 1996 e tornou-se um clássico instantâneo e revolucionário que misturou elementos do terror slasher com a metalinguagem cinematográfica. Dirigido por Wes Craven e roteirizado por Kevin Williamson, a trama focava em um serial killer mascarado conhecido pelo nome de Ghostface, que utilizava bordões e um assustador conhecimento sobre produções do gênero para perseguir suas vítimas.

 Juntas, as quatro iterações arrecadaram mais de 608 milhões de dólares nas bilheterias mundiais.

Aproveite para assistir:

Depois do lançamento de Pânico 4’ em 2011 e com a morte de Craven, a MTV resolveu produzir um reboot seriado da saga, reinventando o icônico personagem de Ghostface para as telinhas em 2015. Neste ano, o show ganhou uma terceira e última temporada.

No ano passado, Campbell comentou que, apesar de não ser impossível, teria um grande desafio em rodar Pânico 5’ sem Craven.

“Bom, vocês sabem, acho que seria desafiador… Wes Craven morreu… Ele era o motivo pelo qual aqueles filmes eram tão bons. Digo, é claro que Kevin Williamson escreveu roteiros brilhantes. Mas Wes era o coração de tudo. Era quem mantinha a consistência dinâmica. Acho que seria difícil trabalhar com outro diretor”.

Fique ligado para mais informações!