O ano de 2020 viu as plataformas de streaming se popularizarem de uma forma impressionante. Com a pandemia do Novo Coronavírus e a quarentena, essas plataformas garantiram a única diversão de milhões de pessoas pelo mundo nesse período tão difícil. No entanto, com essa grande variedade de streamings à disposição, fica até difícil de acompanhar qual filme entrou em qual serviço. Por isso, a dica deste fim de semana são cinco filmes que você provavelmente não sabia que estavam no streaming. Confira!

Dredd (2012)

Baseado em histórias em quadrinhos Dredd é um filme de super-herói para maiores de 18 anos. Muito antes de Deadpool explodir, o Juiz Dredd (Karl Urban) já fazia o trabalho sujo nas telonas. O filme se passa em um futuro distópico, no qual a radiação tomou conta dos EUA e a população passou a viver um cidades verticais gigantescas em uma zona delimitada. O problema é que a criminalidade aumenta desenfreadamente e o tráfico toma conta desses edifícios-cidades. Para manter o controle da violência, o juízes prendem, julgam e executam a punição dos criminosos. Dredd é um dos juízes mais exemplares do sistema, logo um dos mais temidos. Porém, a situação muda quando ele é enviado para um prédio que inicia um processo de lockdown. Preso lá dentro, ele vai precisar encontrar uma forma de sobreviver, escapar da criminalidade e julgar a chefe do tráfico. Tudo isso com um visual psicodélico e assassinatos explícitos. É um filme bem subestimado.

Dredd está disponível no Amazon Prime Vídeo.



 

Fome de Poder (2016)

Aproveite para assistir:

Estrelado por Michael Keaton, esse filme conta como o McDonald’s deixou de ser um restaurante familiar no sul da Califórnia até se tornar esse verdadeiro império alimentício que é hoje. Mas calma lá! Esse não é um daqueles filmes motivacionais melosos que volta e meia aparecem por aí. Não mesmo. A história é cercada de controvérsias, reviravoltas, ações judiciais e uma sacanagem gigantesca feita por Ray Kroc (Michael Keaton) para tirar os irmãos McDonald’s do negócio que eles mesmos criaram. É uma trama de corrupção, ambição, empreendedorismo e crueldade dirigida de forma fenomenal.

Fome de Poder está disponível na Netflix.



 

Rocketeer (1991)

Dirigido por Joe Johston e baseado nas graphic novels homônimas dos anos 1980, Rocketeer se passa em 1938 e conta a história do piloto Cliff Secord, que acaba sendo baleado em um confronto do FBI com gângsters. Nisso, ele encontra um protótipo de mochila a jato sendo traficada pelos bandidos. Em posse do objeto, ele assume a identidade do super-herói Rocketeer. Junto a um espião anti-nazistas que se disfarça de astro de Hollywood, ele vai combater o mal e tentar impedir que o mundo seja dominado pela vilania. É um daqueles filmes clássicos com jeitão das películas das matinês.

Rocketeer está disponível no Disney+

 

Rush: No Limite da Emoção (2013)

Estrelado por Chris Hemsworth e Daniel Brühl, o filme conta a história de rivalidade entre dois grandes astros da Fórmula 1: James Hunt e Nikki Lauda. A direção de Ron Howard é impecável e consegue trazer a adrenalina das pistas para as telas, além de recriar com perfeição a atmosfera dos anos 1970. O longa trata a relação de rivalidade e até mesmo amizade de um piloto despojado e adepto aos exageros disputando contra um perfeccionista caxias e mais regrado. É uma história alucinante de dedicação, rivalidade e admiração, além de contar com a melhor atuação da carreira de Chris Hemsworth.



Rush: No Limite da Emoção está disponível no catálogo do Amazon Prime Video.

 

Blade Runner 2049 (2017)

Continuação de um dos filmes mais aclamados da história da ficção científica, Blade Runner 2049 tinha o peso do mundo nas costas para continuar a história do Universo no qual Humanos e Andróides Replicantes compartilham a Terra. Para não correr riscos, o diretor Denis Villeneuve trouxe de volta Harrison Ford para reviver um desaparecido Rick Deckard e apostou na vinda do carismático Ryan Gosling para unir as tramas de passado e futuro. Com ritmo lento e fotografia abusando de neons e tons pastéis, o filme flerta com a monotonia filosófica acerca de questões éticas e morais da sociedade. É uma excelente pedida para os fãs do anterior.

Blade Runner 2049 está disponível na Netflix.


Não deixe de assistir: