De acordo com o The Wrap, o ator Ed Asner faleceu ontem (29), enquanto dormia, aos 91 anos de idade.

A informação foi divulgada originalmente por seu agente, Charles Sherman, que administrava sua carreira nos últimos 20 anos.

Asner era mais reconhecido pelo público jovem por ter dublado o personagem Carl Fredricksen na animação ‘Up – Altas Aventuras‘.

Além disso, ele também interpretou o padrasto de Johnny Lawrence (William Zabka) na série ‘Cobra Kai‘, e Abe Rifkin em Disque Amiga Para Matar.



Nascido em 1929, o veterano começou a atuar no fim da década de 1950 e fez sua estreia no cinema com o filme ‘Talhado Para Campeão‘, no qual contracenou com Elvis Presley em 1962.

Entre seus principais títulos nas telonas, ele participou de ‘El Dorado‘ (1966), ‘Missão Secreta em Veneza‘ (1966) e ‘Os Desajustados (1971).

Aproveite para assistir:

Ele também teve um papel bastante marcante como o detetive particular Guy Banister em ‘JFK: A Pergunta que Não Quer Calar‘ (1991), e chegou a dar vida ao Papa João XXIII no filme ‘João XXIII – O Papa da Paz’ (2002).

Mas foi na TV que Asner ganhou fama mundial, ao interpretar o personagem Lou Grant na série ‘Mary Tyler Moore‘ entre 1970-1977).



Após o fim da série, ele estrelou um spin-off focado em seu personagem, que lhe rendeu três prêmios Emmy entre 1978 e 1980 como Melhor Ator em Série Dramática.

O personagem fez tanto tanto sucesso, que ainda apareceu em outra séries derivada, intitulada ‘Rhoda‘ (1974-1978), além de aparecer em um episódio de ‘Call Waiting, em 1996.

Asner também entrou para a história da premiação como o único artista a ganhar um Emmy de comédia e um de drama por interpretar o mesmo personagem.

Ao longo de sua carreira, o astro atuou em mais de 400 produções e foi indicado ao Emmy 20 vezes, das quais ganhou 07.

COMENTÁRIOS

Não deixe de assistir: