A 7ª temporada de Chicago P.D. promete deixar os fãs angustiados com o que pode acontecer ao comandante do Esquadrão da Unidade de Inteligência do Departamento de polícia local, Hank Voight.

Ao final do ciclo anterior, o protagonista vivido por Jason Beghe se viu em um situação perigosa, em que ele se tornou o principal suspeito da morte do futuro candidato a prefeito da cidade, Brian Kelton (John C. McGinley). E sair dessa circunstância como um homem inocente será um grande desafio.



Segundo o intérprete do personagem, sua natureza de sobrevivente será fundamental para garantir a inocência de seu nome. Durante uma entrevista EXCLUSIVA à nossa jornalista Rafa Gomes, do CinePOP, ele contou o que a nova temporada guarda para Voight e, consequentemente, para os fãs da série policial:

“Eu não sei como ele vai sair dessa como um homem inocente, não posso te entregar esse segredo [risos]! Mas o que eu posso te dizer é o seguinte: Voight é uma força da natureza, você pode tentar impedi-lo, virá-lo de cabeça para baixo, mas não pode detê-lo, ele sempre consegue superar os desafios. E isso é basicamente o que posso dizer no momento. Ele começou sua jornada em Chicago Fire e em pouco tempo se transformou no líder do maior grupo de elite da Polícia de Chicago, sendo o Comandante do Esquadrão da Unidade de Inteligência do Departamento. Ele sabe sobreviver e vai tentar provar isso mais uma vez”.

Beghe ainda comentou sobre a jornada de Voight no novo ciclo, refletindo um pouco sobre o caráter e a personalidade do personagem:

“Ele é uma pessoa da qual muitos contam, muitos precisam dele e ele sempre soube responder a todo tipo de circunstância à sua maneira. E de repente a sua situação se transforma, com ele se tornando o suspeito de um crime terrível. Mas ele não é o tipo de personagem que tende a fazer muitos planejamentos, ele vive para o agora e seu foco é sempre lidar com o que está acontecendo no presente. E ele vai ter que correr atrás para tentar descobrir o que de fato aconteceu com Brian Kelton e eu creio que aqueles personagens que trabalham com ele e confiam em sua integridade vão ajudá-lo nessa jornada, onde tudo parece tão tumultuado”.

A nova temporada promete conflitos crescentes, principalmente com a prisão de Ruzek (Patrick Flueger). E de acordo com Beghe, o departamento de polícia terá que correr contra o tempo, para retirá-lo da prisão antes que sua vida entre em jogo:

“Eu não posso te dizer o que vem por aí para Ruzek, mas ele terá um caso bem difícil lá na frente, um caso bem inoportuno. Ele também é um tipo de cara que tem dificuldades de se virar sozinho. Ele não apenas não está seguro como policial ali dentro, como ele não é o tipo de pessoa que se dá bem estando sozinho, então ele está preso em uma situação extremamente difícil, o que é um problema não apenas para ele, mas para todos que se preocupam com ele, incluindo Voight. Então, estamos determinados a tirá-lo da prisão logo e garantir sua segurança”.

Os aguardados episódios inéditos de Chicago Fire, Chicago P.D. e Chicago Med estreiam na sessão “Segundas de Chicago”, dia 4 de novembro, a partir das 21h30, no Universal TV.

Aproveite para assistir:





 

Comentários

Não deixe de assistir:

SE INSCREVA NO NOSSO CANAL DO YOUTUBE