O dia 20 de novembro foi decretado feriado em boa parte do Brasil a partir de 2003, em memória a Zumbi dos Palmares – um dos maiores líderes negros brasileiros, que lutou contra o sistema escravista no país. Como a data é para pensar, refletir, debater e valorizar a raça negra, fizemos uma lista de filmes e séries lançadas na última década que nós do CinePop achamos de fundamental contribuição para este debate. Confiram!

Fogo contra Fogo (cinema)

O longa estreia nos cinemas amanhã, com pré-estreias a partir de hoje. ‘Fogo contra Fogo’ joga luz sobre o apertheid, através da história real de Solomon Kalushi Mahlagu, um jovem vendedor que se transforma em guerreiro contra o sistema opressor sul-africano em 1970.

O Ódio Que Você Semeia’ (Telecine)

Um dos melhores filmes de 2018 traz o ponto de vista da jovem Starr Carter, cujo melhor amigo é assassinado por um policial, o que desencadeia uma onda de protestos no bairro em que mora. Trazer o debate do racismo para o universo adolescente é um dos pontos altos desse filme poderosíssimo, que te dá um soco já na primeira cena. Disponível na Rede Telecine e tem crítica aqui no CinePop.

10 filmes de terror no Amazon Prime Video para fugir dos problemas…

Aproveite para assistir:

10 Séries de Comédia para Maratonar nas Próximas Semanas

American Son’ (Netflix)

Lançamento do mês da Netflix, ‘American Son’ era, inicialmente, uma peça na Broadway, porém a história fez tanto sucesso que a Dona Netflix a adaptou para o seu streaming com o elenco original. A trama traz a angústia de Kendra (Kerry Washington), uma mãe que está numa delegacia, aguardando notícias do filho que está desaparecido. O filme acontece todo durante uma madrugada, e o tempo da espera dessa mãe é preenchido por uma sequência de episódios racistas. Veja a crítica do filme aqui.

Corra!’ (Telecine)

O filme sensação de 2017, vencedor do Oscar de Melhor Roteiro Original, ‘Corra!’ traz uma história bastante conhecida do grande público: o rapaz negro que namora a garota branca e um dia vai conhecer os pais brancos dessa garota. Até aí, nada de novo né? A grande diferença em ‘Corra!’ é a forma como essa história é contada, e como o racismo é mesmo um elemento de terror. Disponível na rede Telecine, você pode conferir a crítica aqui.

Histórias Cruzadas’ (Telecine)

A sinopse diz que o filme é sobre Skeeter (Emma Stone), uma jovem que, nos anos 1960, no Mississipi, quer se tornar escritora e, para tal, começa a entrevistar as mulheres negras da cidade. Mas na verdade o filme é mesmo sobre estas mulheres negras – com uma inesquecível cena de Octavia Spencer e uma deliciosa torta… Disponível na Rede Telecine, você pode ver a crítica completa do filme aqui.

Estrelas Além do Tempo’ (Telecine)

No auge da corrida espacial entre Estados Unidos e Rússia, o filme faz um recorte na importância de três mulheres negras cientistas da NASA que foram de fundamental importância para que os Estados Unidos fossem bem-sucedidos no envio de astronautas para o espaço, porém, mesmo sendo engenheiras brilhantes, as três ainda tinham que lidar com o racismo e o sexismo dentro da empresa. Baseado numa história real, o filme está disponível na Telecine e tem a crítica completa aqui.

Olhos Que Condenam’ (Netflix)

Minissérie em cinco capítulos baseada numa terrível história que aconteceu no Central Park, quando cinco rapazes negros foram presos injustamente pelo simples fato de estarem no parque e serem negros. A construção das alegações criminosas dos rapazes é de fazer o estômago revirar. Vencedora do Emmy de Melhor Elenco e Melhor Ator em Série Dramática 2019, a minissérie está disponível na Netflix e você pode conferir a crítica completa dela aqui.

Eu Não Sou Seu Negro’ (Youtube)

Baseado no livro inacabado de James Baldwin, o longa fala do racismo norte-americano e o assassinato de importantes líderes ativistas, como Malcom X e Martin Luther King Jr. Disponível para aluguel no Youtube.

Kbela’ (Youtube)

O curta de 2015 de Yasmin Thayná mostra o impacto da transição capitar na vida das mulheres negras e o quanto a imposição do padrão de beleza oprime a beleza natural de outras raças. A construção estética desse curta é forte. Disponível para aluguel no Youtube.

Um Dia com Jerusa

O longa que abriu o Encontro de Cinema Zózimo Bulbul 2019 na presença de Angela Davis traz duas protagonistas negras em uma bela conversa sobre memória e ancestralidade. O curta, que virou longa, foi exibido em Cannes em 2014 e o trailer está disponível no Youtube.

Infiltrado na Klan’ (Telecine)

O filme de Spike Lee se passa em 1978 e conta a inacreditável história real de um policial negro do Colorado que conseguiu se infiltrar na Ku Klux Klan. Apesar do tom de comédia, o filme é terrivelmente forte, com referências à nossa época atual. Disponível na Rede Telecine, você pode conferir a crítica aqui.

Um Limite Entre Nós’ (Netflix)

Adaptação da peça teatral de mesmo nome, traz Denzel Washington no papel principal e na direção, e rendeu o Oscar de Melhor Atriz Coadjuvante para Viola Davis em 2017. O filme aborda as expectativas de vida em uma família de negros em uma pequena cidade no interior dos Estados Unidos, e como o racismo é uma engrenagem sistemática que se impõe em todos os aspectos da vida das pessoas.

Se a rua Beale Falasse’ (HBO)

Um rapaz negro, no dia errado, na hora errada, incriminado injustamente por algo que não cometeu. O ego disfarçado de racismo de um policial branco é tudo que basta para a construção desse filme que recebeu inúmeras indicações a prêmios e levou o Oscar e o Globo de Ouro de Melhor Atriz Coadjuvante para Regina King. Disponível na HBO, você pode conferir a crítica completa aqui.

15 Séries da Netflix Para Maratonar

15 Séries da Globoplay Para Você Maratonar

15 Séries da Amazon Prime Para Maratonar neste mês

10 reality shows insanos pra você que amou The Circle e Casamento às Cegas

Não deixe de assistir:

SE INSCREVA NO NOSSO CANAL DO YOUTUBE