Guillermo del Toro tornou-se um dos cineastas mais famosos da indústria cinematográfica, fosse por suas narrativas fantásticas, fosse por sua habilidade visual incrível – vistas em obras como ‘O Labirinto do Fauno’‘A Colina Escarlate’ e o recente ‘A Forma da Água’, que levou o Oscar de Melhor Filme para casa.

Entretanto, quando estava começando em Hollywood, o diretor recebeu diversas ofertas para comandar sequências de clássicas franquias – incluindo O Filho de Chucky e a continuação de A Mosca. E, apesar de se sentir aliviado de não ter se envolvido com esses filmes, não descarta a possibilidade de dirigir criações de outras pessoas (como foi o caso da saga Hellboy).

“Me ofereceram, desde a maior franquia de super-heróis até O Filho de Chucky, ele disse, em entrevista ao IndieWire“Vou contar sobre uma das piores reuniões que tive na vida. Foi sobre A Mosca II’. Estava ainda começando minha carreira, era 1992 ou algo assim. Eu entro na sala, sento e eles dizem: ‘o que você acha sobre A Mosca II’?’. E eu disse: ‘acho que vocês não deveriam fazer isso’. Eles perguntaram o porquê e eu respondi: ‘porque o primeiro foi ótimo’. E foi isso. E aí eles validaram meu ticket do estacionamento”.

Sobre a aclamada saga Hellboy, o ator Ron Perlman, que viveu o personagem titular, não poupou elogios sobre Del Toro e disse que tem esperança de que os dois se reúnam mais uma vez para o terceiro capítulo.

“Sempre existe uma pequena esperança, que vive dentro de mim, que diz que talvez um dia Guillermo acorde e diga: ‘Você sabe o que? Dane-se, precisamos terminar essa trilogia'”.

Aproveite para assistir:

Perlman diz que ele sonha em reprisar seu papel como Big Red.

“Mas é onde estávamos, a um filme de terminar”, acrescenta. “Mas então, toda vez que vejo como Del Toro está ocupado e com o que está se envolvendo, não parece realista. Parece que nunca vai acontecer, mas isso não me impede de viver em esperança.”

O ator ainda contou que se recusou em participar do reboot.

“O reboot é algo que eu tive a oportunidade de participar, mas decidi que a única versão que me interessava era a do Guillermo [del Toro], então eu me afastei do projeto. Eu realmente dei as costas para o reboot e não ouvi muito sobre ele. Eu os desejei boa sorte, mas não era o meu destino [participar daquele filme].”

O reboot de ‘Hellboy‘, estrelado por David Harbour, foi um fracasso comercial e arrecadou apenas US$ 44,6 milhões pelo mundo, valor que não cobriu os custos de produção (US$ 50 milhões) – sem contar o orçamento gasto com marketing.

Recentemente, Harbour foi questionado sobre o que deu errado com o filme e culpou os fãs de Guillermo Del Toro, diretor dos filmes originais.

“Acho que o filme já estava destinado ao fracasso, porque os fãs de Guillermo del Toro e Ron Perlman [intérprete do Hellboy] não queriam que fizéssemos um remake. Por algum motivo, criticaram a ideia desde o anúncio. Na internet, todos diziam para não brincarmos com a imagem do personagem e do trabalho de del Toro. Foi um filme muito divertido e eu adorei, mas acho que não podemos enfrentar um público rancoroso.”

Obviamente, o astro confirmou que a Lionsgate não está planejando fazer uma continuação.

“Eu não acho que há interesse para uma sequência. Muitas pessoas me procuram para dizer que realmente adoraram o novo filme e ficaram felizes em rever o personagem nas telonas, mas eu sei que na cultura como um todo o filme não foi bem recebido”.

Apesar de tudo, Harbour recebeu elogios por sua versão do personagem, mas o longa foi massacrado e recebeu apenas 17% de aprovação no Rotten Tomatoes.

Confira nossa crítica:

 

 

Comentários

Não deixe de assistir:

SE INSCREVA NO NOSSO CANAL DO YOUTUBE