A atriz Glenn Close pode até ter saído de mãos abanando do Oscar 2021, mas a veterana já entra para a história da premiação, por ter protagonizado um dos momentos mais icônicos e divertidos do evento.

Quebrando todos os requintados protocolos da luxuosa festa, a indicada ao Oscar participou de uma brincadeira, conduzida pelo ator e comediante Lil Rel Howery, e mostrou que não apenas entende muito de hip hop, como também possui muito gingando e malemolência.

Ao ser convidada pelo comediante a dançar o hit de 1988 “Da Butt”, do E.U., a atriz não pestanejou e em seu vestido de gala provou que possui um rebolado todo seu.

Confira:



Lembrando que Close foi indicada por sua performance no criticado drama Era Uma Vez um Sonho (‘Hillbilly Elegy’), da Netflix.

O longa já está disponível na plataforma de streaming.

Aproveite para assistir:

O filme é dirigido pelo vencedor do Oscar Ron Howard e baseado nas memórias de J.D. Vance.



Ex-fuzileiro naval e estudante de Direito, o jovem J.D. Vance (Gabriel Basso) vê seu sonho de conseguir o emprego ideal ser interrompido por uma crise familiar que o obriga a retornar para a cidade onde nasceu e encarar a complexa dinâmica de sua família apalache e a difícil relação com sua mãe (Adams). Com as memórias marcantes da avó que o criou (Close), J.D. embarca em uma jornada de autoconhecimento e aceitação das influências de suas origens em sua vida.

Haley Bennett, Freida PintoBo HopkinsOwen Asztalos também fazem parte do elenco.

Vanessa Taylor (A Forma da Água) será a roteirista. Howard, Brian GrazerKaren Lunder serão os produtores. O orçamento do filme gira em torno de 45 milhões de dólares, considerado baixo dentro da indústria cinematográfica.

Comentários

Não deixe de assistir: