A popularidade de Jon Bernthal como o Justiceiro foi tão grande na 2ª temporada de ‘Demolidor‘ que o personagem ganhou sua própria série.

Infelizmente, o programa da Netflix foi cancelado com apenas duas temporadas.

Mesmo assim, os fãs ainda sonham em ver Bernthal reprisando o papel agora que os direitos de imagem do personagem foram recuperados pela Marvel Studios.

Durante uma entrevista para o The Hollywood Reporter (via Screen Rant), Bernthal falou sobre a possibilidade de voltar a dar vida a Frank Castle no MCU.



No entanto, o astro sugeriu que só aceitaria a proposta se o personagem fosse adaptado em filmes ou séries para maiores de 18 anos devido à sua natureza violenta.

“Esse personagem, tem um real e profundo significado para mim. Ele e sua história estão em meu coração. Para mim, não há nada mais importante neste mundo que minha esposa e meus filhos, então eu me identifico com Frank. Você só entende sua dor, se você se colocar no lugar dele. Você não julga sua raiva quando está na mente dele.”

Aproveite para assistir:

Ele continuou:

“Sinceramente, eu sou muito protetor quando se trata do Justiceiro. A escuridão dentro dele é algo que não pode ser suavizado. Eu acho que se houver algum alívio cômico ou se tentarem domá-lo, estarão removendo suas principais características. Fazer isso seria um insulto aos fãs e ao histórico do personagem. Para mim, o que importa não é que o personagem seja revivido, mas que seja revivido da forma correta.”



No ano passado, Thomas Jane, intérprete de Frank Castle em 2004, disse ao Comic Book quer voltar a trabalhar numa adaptação do anti-herói, mas desta vez como diretor.

Além disso, o astro adoraria ter Bernthal como protagonista, já que ele fez um ótimo trabalho com o personagem em ‘Demolidor‘ e na sua própria série da Netflix.

“Se os fãs realmente me quisessem de volta, poderíamos encontrar uma forma de preparar um roteiro. Mas, na verdade, eu adoraria dirigir uma adaptação estrelada por Jon Bernthal… Eu admiro seu trabalho como ator e ele fez um ótimo Frank castle na Netflix.”

Ele continuou:

“Veja bem, eu acho que o Justiceiro ainda não foi totalmente explorado de forma que honre totalmente o personagem em um filme. E acho que Bernthal tem capacidade de fazer isso.”

E aí, o que você acha da ideia?

Dirigido por Jonathan Hensleigh, o longa de 2004 recebeu péssimas avaliações e registrou míseros 28% de avaliações positivas no Rotten Tomatoes.



Além disso, acumulou apenas US$ 54,7 milhões pelo mundo, a partir de um orçamento de US$ 35 milhões.

COMENTÁRIOS

Não deixe de assistir: