‘Liga da Justiça’: Corte de Zack Snyder custaria US$ 40 milhões para ser finalizado

‘Liga da Justiça’: Corte de Zack Snyder custaria US$ 40 milhões para ser finalizado



Desde a estreia de ‘Liga da Justiça‘, os fãs estão apoiando uma campanha para que a versão dirigida por Zack Snyder seja lançada.

Tudo isso por que muitos acreditam que o fracasso do filme é culpa de Joss Whedon, que assumiu a direção após a saída de Snyder.

No entanto, de acordo com o We Got This Covered, uma fonte que trabalhou nos efeitos visuais do filme revelou que a versão de Snyder pode estar longe de chegar aos fãs, pois custaria muito caro à Warner Bros.

“Ainda faltavam alguns meses para a estreia quando Joss Whedon assumiu. Parece muito improvável que houvesse um corte final da versão de Snyder. Se houvesse, a Warner Bros. conseguiria um editor para completar, mas eles teriam que gastar em torno de 40 milhões de dólares na pós-produção e efeitos especiais.”

Mesmo assim, o próprio Zack Snyder vem provocando o público com informações sobre o filme, como partes do roteiro e cenas não utilizadas.

De qualquer forma, parece que tanto os fãs quanto o diretor não vão desistir de ver a versão original do longa.

Aproveite para assistir:


Recentemente, os membros do grupo #ReleaseTheSnyderCut” colocaram vários cartazes e outdoors pedindo a versão em San Diego.

Confira:

Os fãs criaram uma vaquinha online para promover o lançamento do filme na próxima San Diego Comic-Con e já arrecadaram 26.000 dólares.

“Chegou a hora de fazer uma declaração final para a Warner Bros. sobre o nosso desejo firme e inflexível de lançarem a versão completa de ‘Liga da justiça’ de Zack Snyder. Ao longo do último ano e meio, o movimento #ReleaseTheSnyderCut realizou uma série de campanhas, de modo a atrair a atenção daqueles com poder e influência suficientes para satisfazer nossa demanda.”, diz uma parte do comunicado publicado no site Gofundme.

Para quem não está familiarizado com a polêmica, Zack Snyder foi contratado como diretor do filme, mas teve de se afastar das gravações após problemas pessoais envolvendo a morte de sua filha. Para não atrasar a produção mais uma vez, o estúdio contratou Joss Whedon para concluir as filmagens. O resultado não agradou e o filme foi massacrado pelo público e pela crítica especializada.

Desde então, fãs devotos do diretor vem tentando fazer com que a Warner Bros. libere o lançamento da versão idealizada por Snyder, que teria confirmado sua existência.

E aí, será que o movimento ganha força para pressionar o estúdio?



COMENTÁRIOS