Harrison Ford retornará para as telonas com a aguardada adaptação de ‘O Chamado da Floresta’, remake do clássico longa-metragem lançado pela 20th Century Studios em 1935 que também é baseado no livro homônimo de Jack London (e que foi publicado pela primeira vez em 1903).

Mas apesar de muitos já terem ouvido falar do romance e do filme originais, poucos realmente sabem a história e conhecem suas inúmera simbologias que remontam desde a reflexões naturalistas entre a natureza e o homem até a recriação de um contexto histórico movido pela cobiça.

Pensando nisso, o CinePOP trouxe para você um breve guia para que possa compreender as nuances por trás da produção – além de saber detalhes sobre a narrativa, o elenco e a data de estreia do longa.



PERSONAGENS

Buck: o gigantesco São Bernardo híbrido com Pastor Escocês que narra a história. Na nova releitura, entretanto, o diretor Chris Sanders e o roteirista Erwin Stoff parecem ter privado o sagaz cachorro de seus pensamentos, recriando-o digitalmente.

Jack Thornton: Ford dá vida ao humano protagonista, que lidera um grupo de cachorros abandonados. Ele é o primeiro que trata os cães com humanidade (comparado a seus outros donos).

Perrault e Françoise: mineiros franco-canadenses que montam grupos de busca com cães para encontrar ouro. Buck não gostava deles, mas os respeitava como um novo tipo de humano. Perrault, em particular, era um bom conhecedor de cachorros e dizia que Buck era “um em dez mil”. No livro, eles são acompanhados de um terceiro membro, Curly, que foi suprimido na adaptação. Nas telonas, serão vividos por Omar Sy e Cara Gee, respectivamente.

Aproveite para assistir:



Juiz Miller: o primeiro dono de Buck, que é encarnado por Bradley Whitford, criou o cachorro em uma grande casa no Vale de Santa Clara, antes do cãozinho ser raptado e levado para o território dos Yukon para ser escravizado.

Karen Gillan, Colin Woodell e Scott MacDonald completam o elenco como Mercedes, Charles e Dawson, respectivamente.

SINOPSE



A adaptação gira em torno de Buck, um cão de grade coração cuja feliz vida doméstica vira de cabeça para baixo quando, subitamente, é tirado de usa casa na Califórnia e levado para o exótico e selvagem rio Yukon, no Alasca. Como novato na equipe de cães puxadores de trenós – tornando-se, mais tarde, o líder da matilha -, Buck vive a aventura de sua vida, encontrando seu verdadeiro lugar no mundo e se tornando seu próprio mestre.

Nas páginas assinadas por London, Buck passa por um período de brutalidade insuportável, fugindo de sua escravidão depois de apanhar por se recusar a cruzar um rio caudaloso e perigoso. Thornton, por sua vez, acaba encontrando-o e vê nele bondade, inteligência, força e um senso de liderança natural. A amizade construída entre os dois se transforma no principal elemento para que sobrevivam em condições árduas e extremas.

CONTEXTO HISTÓRICO

A trama principal é ambientada na Corrida do Ouro de Klondike, durante a qual um estimado de 10 mil escavadores vieram para Yukon, no Canadá, depois que os mineradores locais descobriram ouro incrustado nas montanhas geladas e revelaram para Seattle – dando início a uma debandada conturbada que durou de 1896 até 1899.

Grande parte dos que procuravam por dinheiro voltaram pobres para casa, mas tiveram inúmeras histórias para contarem. A viagem requisitava aos exploradores passagem do Alasca através de Chilkoot para o rio Yukon, descendo, dessa forma, para Klondike. Entre as mazelas da elevação e das condições climáticas extremas, muitos não sobreviveram ou abandonaram a busca. Em 1899, os mineradores perderam interesse e os campos de ouro foram abandonados – apesar das atividades locais permanecerem até 1903 (o mesmo ano que o autor londrino publicou seu famoso livro).



O filme estreia no dia 21 de fevereiro.

Comentários

Não deixe de assistir:

🚨 INSCREVA-SE NO NOSSO CANAL DO YOUTUBE 🚨http://bit.ly/CinePOP_Inscreva