[ANTES DE COMEÇAR A MATÉRIA, FIQUE CIENTE QUE ELA ESTÁ RECHEADA DE SPOILERS] 

Se você ainda não assistiu ao oitavo episódio de WandaVision, não leia esta matéria para não receber spoilers.

WandaVision termina amanhã no Disney+, e mesmo com diversas tramas precisando ser resolvidas nesse episódio final, só se fala em uma coisa: a aparição nível “Luke Skywalker” que o ator Paul Bettany prometeu para o último capítulo. Para quem não entendeu a referência na fala do intérprete do Visão, ele estava se referindo à aparição surpresa do lendário Luke Skywalker (Mark Hamill) no season finale da segunda temporada de The Mandalorian. Esse momento deixou os fãs da série insanos e o assunto tomou as redes sociais, ignorando completamente o respeito por aqueles que ainda não haviam assistido a série.



Pois bem, com a tal promessa de um ator que nunca interagiu com Bettany aparecer de surpresa, os fãs começaram a especular o Doutor Estranho (Benedict Cumberbatch), Homem-Aranha (Tom Holland) e até mesmo o Al Pacino, que supostamente interpretaria o demônio Mephisto. Então, o diretor da série, Matt Shakman, afirmou que alguns fãs poderiam se decepcionar com o final da série por conta dessas expectativas criadas pelas teoria e que, ainda por cima, a tal participação especial citada pelo ator seria o próprio Paul Bettany na pele artificial do Visão Branco. Nesse momento, milhares de fãs deram uma desanimada e, em entrevista divulgada hoje, o intérprete do Visão meio que assume que pregou uma peça na audiência se referindo a ele mesmo. Ainda assim, tem muita gente que segue acreditando em um personagem surpresa no episódio de amanhã.

Fato é que essas declarações tomaram uma proporção muito maior do que o esperado, até porque não é todo dia que um diretor vem a público dizer que os fãs podem se desapontar com seu trabalho. Isso não é comum no mercado. Claro que essas negações de um novo ator podem ser uma cortina de fumaça para criar uma grande surpresa no caso de alguém inédito na série aparecer amanhã; Mas a questão que fica é: WandaVision realmente precisa de um “Luke Skywalker” para ter um fim relevante? Eu não acredito nisso. Ao longo dos últimos meses, acompanhamos uma produção bastante diferente dos padrões do Universo Cinematográfico Marvel, capaz de instigar e, dado o formato de lançamento semanal, promover o debate incessante entre os fãs, promovendo uma interação virtual muito interessante e divertida. Convenhamos, com essa história da Netflix lançar todos os episódios das séries de uma vez, a prática de comentar, teorizar e ficar aguardando o próximo capítulo com os amigos e parentes se perdeu. Foi muito bacana ver o poder de engajamento e o tamanho do amor desses fãs que passaram esse início de 2021 acordando cedo toda sexta-feira para assistir a um novo episódio e indo para a internet à procura de alguém para comentar o capítulo recém-assistido.

E muito além do formato, o conteúdo da primeira série Marvel no streaming da Disney foi fantástico. Eles conseguiram recriar com perfeição e com criatividade diversas épocas da TV americana, com um riquíssimo detalhamento de ambientações, figurinos e estilos narrativos. Também deixaram seus atores ousarem mais do que o comum de uma produção envolvendo super-heróis, criando uma das séries mais divertidas e esquisitas da atualidade. Outro ponto louvável foi conseguir manter o interesse do público com muitos mistérios sendo desenvolvidos com o passar dos episódios e abrindo margem para as especulações.

Como se isso tudo já não fosse mérito o suficiente para legitimar WandaVision, a série desenvolve ainda mais o sempre em expansão MCU, mas agora na televisão. Personagens que não imaginávamos que fossem aparecer novamente, como Darcy Lewis (Kat Dennings) e o Agente Woo (Randall Park), retornaram aos papéis de forma coerentes com o seriado, mas sem perder sua essência. Esses “resgates” foram tão positivos que a Marvel está avaliando dar uma série ao estilo Arquivo-X para o Agente Woo investigar mais casos de super-humanos por aí. Ou é isso que eles querem que a gente pensa. Afinal, ninguém está a salvo do episódio final, não é mesmo? E temos ainda heróis surgindo para o futuro das franquias, como Monica Rambeau (Teyonah Parris), os filhos de Wanda e a suposta vilã Agatha Harkness (Kathryn Hahn).

Aproveite para assistir:



Amanhã, quando terminarmos de assistir ao último episódio de WandaVision, tenha aparição especial ou não, teremos certeza de termos assistido a uma série muito especial que se consolidou como o pontapé inicial da integração entre cinema e televisão como um conteúdo expandido fantástico. A Fase Quatro do MCU terá uma quantidade de produções nunca antes vista em um universo compartilhado, e tudo isso terá começado em uma cidadezinha chamada Westview.



O último episódio de WandaVision estreia na sexta-feira (5), só no Disney+.

Comentários

Não deixe de assistir:

🚨 INSCREVA-SE NO NOSSO CANAL DO YOUTUBE 🚨http://bit.ly/CinePOP_Inscreva