Ao longo de sua carreira, Steven Spielberg já dirigiu e produziu diversos gêneros de filmes, desde suspense, ficção científica, aventura, romance…

No entanto, o cineasta nunca explorou o universo dos faroestes…

Enquanto promovia seu novo filme, ‘Amor, Sublime Amor’, Spielberg tocou no assunto durante uma entrevista para o Yahoo!

Questionado se toparia a ideia de trabalhar num faroeste, ele afirmou que tem vontade de assumir a tarefa.



“Essa pergunta me foi feita ao longo dos últimos quarenta anos da minha carreira, se não mais, e eu sempre disse que um musical era a única coisa que eu não tinha feito. O que esqueci de dizer, foi que o que eu nunca fiz, e o único gênero que ainda não abordei, é o faroeste. Então, quem sabe, talvez um dia eu coloque botas com esporas… Quem sabe?”

Ele continuou, revelando que já tem algumas ideias no papel.

Aproveite para assistir:

“Já estou desenvolvendo alguns, mas não sei qual deles vai ganhar sinal verde primeiro.”

Confira:



“Depois de finalmente explorar o gênero musical com ‘Amor, Sublime Amor’, Steven Spielberg diz que resta um gênero para ele trabalhar: o faroeste. Diz que tem alguns em desenvolvimento. (não perguntei a ele sobre seus sentimentos atuais sobre filmes de super-heróis, desculpe).

Lembrando que a nova versão de ‘Amor, Sublime Amor‘ (West Side Story) chega ao cinemas em 09 de dezembro e já vem coletando inúmeros elogios por parte da crítica internacional.

No Rotten Tomatoes, a produção abriu com 96% de aprovação, com altíssima nota 8.30/10 baseada em 53 reviews. A encargo de comparação, a versão original, lançada em 1961, tem um índice de aceitação de 93%.

Confira os principais comentários abaixo:

“Como você honra o passado e reconhece os erros? Com consideração e habilidade e Rita Moreno” – Thrillist.

Amor, Sublime Amor de Steven Spielberg fica em seu melhor quando se concentra no estudo de um personagem de cada vez” – Slant Magazine.



“Surpreendentemente, Spielberg consegue melhorar o filme original com mais autenticidade e, dessa forma, mais emoções cruas e significado” – Beyond the Trailer.

“[O filme] expande e fortalece cada detalhe e personagem concebíveis” – Flickering Myth.

Amor, Sublime Amor está recheado de coreografias estelares e performances de tirar o fôlego” – Perri Nemiroff.

Amor, Sublime Amor‘ se passa na Nova York da década de 1950 e conta a história de um casal apaixonado tentando salvar seu romance ao mesmo tempo que são divididos pela rivalidade entre as gangues branca e latina das quais fazem parte: Tony é integrante dos Jets e Maria dos Sharks, tudo inspirado em outro clássico, ‘Romeu e Julieta’ de Shakespeare.


O longa é protagonizado por Ansel Elgort (‘A Culpa é das Estrelas’) e a estreante Rachel Zegler, nos papéis de Tony e Maria, respectivamente.

O roteiro fica por conta do premiado Tony Kushner, indicado ao Oscar e ganhador do Prêmio Pulitzer. Leonard Bernstein, Stephen Sondheim e Jerome Robbins cuidam da música, das letras e da coreografia. 

COMENTÁRIOS

Não deixe de assistir: