A Netflix está renovando sua grade de programação no mês de junho e alguns títulos incríveis serão removidos em breve da plataforma de streaming.

E para você não perder essa última oportunidade, preparamos uma lista bem seleta com sete títulos imperdíveis que você precisa assistir, antes de todos eles darem o seu doloroso adeus.

Com opções para todos os gostos e perfis, essa curadoria traz diversas joias preciosas que todo bom cinéfilo precisa conferir pelo menos uma vez na vida. Vem ver!

Superbad – É Hoje 



Na trama, dois amigos estão tentando comprar bebida com uma identidade falsa, para finalmente se darem bem com as garotas em uma festa. Mas o que parecia ser algo tão simples se transformará em uma aventura maluca e chegar ao rolê será bem mais difícil do que eles imaginavam.

Aproveite para assistir:



Porque assistir? – Um clássico teen contemporâneo, Superbad explora uma visão masculina dos desafios da fase de amadurecimento – algo que pouco existia nos cinemas nos idos dos anos 90 e 00. Escrito por Seth Rogen e Evan Goldberg entre os seus 13 e 15 anos de idade, a comédia é uma sátira realista da adolescência dos dois melhores amigos e ainda permanece atual, mesmo 15 anos depois.

Data de remoção: 01 de junho

Elvis Presley: The Searcher


Apaixonado por Elvis e por música? Então conheça a jornada criativa integral desde a infância até as últimas sessões de gravação deste grande artista do rock!

Porque assistir? – Elvis dispensa apresentações e esta minissérie tenta explorar a magnitude de seu impacto sociocultural não apenas em seu auge, mas também nas décadas seguintes. Com um acervo documental excelente, a produção entrega tudo que um bom fã de música precisa saber sobre uma das maiores lendas da indústria fonográfica e da cultura POP.

Data de remoção: 01 de junho

Mãe!

Na trama, uma mulher pensa que terá um final de semana tranquilo com o marido em casa. Porém, começam a chegar diversos convidados na residência dos dois. Isso faz com que o casamento deles seja testado das mais variadas maneiras.


Porque assistir? – Mãe! não é o que aparenta ser e exige de seu público um olhar bem mais apurado e astuto para encontrar a verdadeira história por trás do filme exibido. Muito do thriller dramático estrelado por Jen Law e Javier Bardem reside no subtexto e nas estrelinhas e aqui temos uma reflexão profunda e complexa do cineasta Darren Aronofsky sobre a Bíblia, o nascimento e o fim da humanidade.

Data de remoção: 01 de junho

O Favorito

A campanha presidencial do candidato Gary Hart em 1988 sofre um impacto sem precedentes, depois que rumores de traição vêm à tona.

Porque assistir? – Dividindo a opinião da crítica especializada internacional, com 58% de aprovação no Rotten Tomatoes, o longa é uma boa vitrine do talento multifacetado de Hugh Jackman, que protagoniza o drama biográfico ao lado de grandes nomes como J.K. Simmons e Vera Farmiga.


Data de remoção: 01 de junho

Elysium

No ano de 2154, os mais ricos vivem em uma estação espacial enquanto o resto da população mora em uma Terra arruinada. Um homem assume a missão de tentar trazer igualdade aos mundos polarizados.

Porque assistir? Neill Blomkamp é conhecido por sua apurada e intrigante abordagem distópica em seus filmes e nos presenteou com o amado indicado ao Oscar, Distrito 9 (também disponível na Netflix). Aqui, ele faz uma análise interessante do que o futuro nos reserva, à medida em que faz uma crítica importante sobre a desigualdade social ao redor do mundo. Além disso, o thriller sci-fi traz os brasileiros Wagner Moura e Alice Braga ao lado de Matt Damon, Diego Luna e Jodie Foster.

Data de remoção: 01 de junho


As Ondas

Uma família é profundamente abalada e impactada por uma morte trágica. Mas em meio à dor da perda, um processo de cura poderoso começa a se instalar, dando início a um novo tempo.

Porque assistir?Sterling K. Brown, premiado ator da série This is Us, estrela este drama que aborda questões delicadas e profundas como a masculinidade tóxica no seio familiar, bem como as suas consequências a longo do prazo. Tratando ainda sobre pressões juvenis e a descoberta do primeiro amor, o filme é uma experiência completa sobre os desafios da paternidade em meio à imperfeição humana, conforme ainda entrega uma fotografia e uma direção apaixonantes, nos levando às lágrimas.

Data de remoção: 12 de junho


Capitão Phillips

Em 2009, piratas somalis invadem o navio cargueiro MV Maersk Alabama, dos Estados Unidos, e mantêm o capitão Richard Phillips e sua tripulação como reféns.

Porque assistir? – A cinebiografia dirigida por Paul Greengrass (franquia Bourne), a partir de um roteiro assinado por Billy Ray, é espetacular em sua qualidade técnica e traz Tom Hanks mais uma vez dando um show de atuação – o que lhe rendeu uma nova indicação ao Oscar. Explorando o drama, a ação e o suspense com um equilíbrio singular, o filme é conceitual em sua construção, mas sem perder um ar de blockbuster que agrada o público geral.


Data de remoção: 15 de junho

Não deixe de assistir: