O Dia Nacional da Consciência Negra é celebrado hoje, 20 de novembro, e é dedicada à reflexão sobre a existência e inserção da comunidade negra na sociedade brasileira – cujas problemáticas se estendem desde os tempos da escravidão e permanecem vivos até a contemporaneidade

A data foi escolhida em razão da morte de Zumbi dos Palmares, líder quilombola brasileiro que se tornou um dos principais expoentes contra o sistema escravista e a favor da libertação de seu povo. Dessa forma, a instituição dessa celebração não insurge apenas para celebrar seu legado, mas também para validar o reconhecimento dos descendentes africanos e da construção do nosso país, abrindo espaço para questões de extrema importância na atualidade – incluindo racismo, disparidade social e igualdade.

Dessa forma, o dia de hoje é um ótimo momento para assistir a produções nacionais e internacionais que falem sobre os temas supracitados, ainda mais quando pensamos em consciência de classe, discriminação estrutural e privilégios.

Para tanto, separamos uma breve lista com 10 produções para se pensar essa data tão importante, excluindo as que escolhemos na nossa matéria especial passada.



Confira abaixo nossas escolhas:

Aproveite para assistir:



12 ANOS DE ESCRAVIDÃO

Em 1841, Solomon Northup é um negro livre, que vive em paz ao lado da esposa e filhos. Um dia, após aceitar um trabalho que o leva a outra cidade, ele é sequestrado e acorrentado. Vendido como se fosse um escravo, Solomon precisa superar humilhações físicas e emocionais para sobreviver. Ao longo de doze anos, ele passa por dois senhores, Ford e Edwin Epps, que, cada um à sua maneira, exploram seus serviços.

SELMA: UMA LUTA PELA IGUALDADE

A história da luta de Martin Luther King Jr. para garantir o direito de voto dos afrodescendentes – uma campanha perigosa e aterrorizante que culminou na marcha épica de Selma a Montgomery, Alabama, e que estimulou a opinião pública norte-americana e convenceu o presidente Johnson a implementar a Lei dos Direitos de Voto em 1965. Em 2015 é comemorado o 50o. aniversário deste momento crucial no Movimento dos Direitos Civis.

LUTA POR JUSTIÇA

O advogado Bryan Stevenson assume o caso de Walter McMillian, que foi condenado a morte por assassinato, apesar das evidências que comprovam sua inocência. Stevenson encontra racismo e manobras legais enquanto luta pela vida de McMillian.

FAÇA A COISA CERTA



Dirigido por Spike Lee, a trama gira em torno de Salvatore “Sal” Fragione, dono de uma pizzaria italiana no Brooklyn que tem uma parede cheia de nomes de artistas famosos. Um dos moradores do bairro, Buggin’ Out, fica indignado ao ver que na parede só há nomes de artistas italianos. Ele acha que um estabelecimento localizado no Brooklyn deveria ter o nome de atores afrodescendentes, mas Sal não concorda. A parede se torna, então, motivo de ódio para Buggin’ Out e outros moradores do bairro.

CARA GENTE BRANCA

A adorada e dinâmica série da Netflix é adaptação do longa-metragem homônimo dirigido por Justin Simien. Acompanhando um grupo de estudantes negros de uma importante, elitista e estruturalmente discriminatória universidade dos Estados Unidos, cada episódio é focado em um determinado personagem e traz ácidas discussões à tona – guiadas principalmente por Sam White (Logan Browning), criadora do programa de rádio que empresta seu nome à produção.

MARIELLE: O DOCUMENTÁRIO

No dia 14 de março de 2018, a vereadora Marielle Franco foi assassinada a tiros, na companhia do motorista Anderson Pedro Gomes. Até hoje, o crime não foi solucionado e o culpado está impune. Agora, ‘Marielle: O Documentário‘ mostra quem foi a política e ativista, a partir de imagens de arquivo e entrevistas com pessoas envolvidas no caso.

MOONLIGHT: SOB A LUZ DO LUAR



O vencedor do Oscar de Melhor Filme pode parecer apenas mais um drama tour-de-force, mas abre discussões sobre inúmeros temas sociais – incluindo sexualidade, identidade de gênero, racismo, tráfico e muito mais. A narrativa é centrada em Black, que mergulha numa jornada de autoconhecimento enquanto tenta escapar do caminho fácil da criminalidade e do mundo das drogas de Miami. Encontrando amor em locais surpreendentes, ele sonha com um futuro maravilhoso.

MALCOLM X

Mais um clássico de Spike LeeMalcolm X retrata a vida do líder afro-americano titular que teve seu pai assassinado pela Klu Klux Klan e sua mãe internada por insanidade. Preso aos vinte anos de idade, Malcolm se converte ao islamismo e, a partir daí, passa a lutar pela liberdade do povo negro na linha de frente das lutas raciais. O filme foi estrelado por Denzel Washington, que recebeu uma indicação ao Oscar de Melhor Ator por sua performance.

CIDADE DE DEUS



Inegavelmente uma das maiores e mais aclamadas produções brasileiras, Cidade de Deus foi indicado a quatro categorias do Oscar e infelizmente não levou nenhuma. A poderosa trama é centrada em Buscapé, um jovem pobre, negro e sensível, que cresce em um universo de muita violência. Ele vive na Cidade de Deus, favela carioca conhecida por ser um dos locais mais violentos do Rio. Amedrontado com a possibilidade de se tornar um bandido, Buscapé é salvo de seu destino por causa de seu talento como fotógrafo, o qual permite que siga carreira na profissão. É por meio de seu olhar atrás da câmera que ele analisa o dia a dia da favela em que vive, onde a violência aparenta ser infinita.

MISSISSIPPI EM CHAMAS

Quando um grupo de trabalhadores de direitos civis desaparecem em uma cidade pequena do Mississippi, os agentes do FBI Alan Ward e Rupert Anderson são enviados para investigar. As autoridades locais se recusam a cooperar e a comunidade afro-americana tem medo de ajudar. A situação se torna cada vez mais difícil e a abordagem direta é abandonada a favor de uma mais agressiva.
Comentários

Não deixe de assistir:

SE INSCREVA NO NOSSO CANAL DO YOUTUBE