Conheça os Grandes Ícones do Terror sem Maquiagem

Conheça os Grandes Ícones do Terror sem Maquiagem



Nós amamos filmes de terror. E uma das coisas mais legais do gênero é morrer de medo com aquela criatura sinistra, cujo único propósito parece ser nos arrepiar até a nuca. Cada obra de terror tem seu antagonista e a graça para o público é odiá-lo com todas as forças. Bem, isto é, até conhecermos seus intérpretes, muitas vezes figuras simpáticas, bem apessoadas e alguns até mesmo fazendo com quem os fãs queiram chamá-los para sair. É sério!

Pensando nisso, o CinePOP, com a ajuda de nossos colegas no Imdb, resolveu desmascarar alguns dos mais famosos “fantasmas” dos filmes de terror – ou seria mais adequado “demaquilar”. Vem conhecer a verdadeira identidade destes monstros.

Pennywise (It – A Coisa)

Um dos maiores sucessos do terror nos últimos anos vai ganhar continuação este ano. It – A Coisa fez um enorme sucesso em 2017, e seu complemento não deve ficar atrás. No filme, a assombração vem nas formas do palhaço Pennywise, que quase foi interpretado pelo ator Will Poulter (de Família do Bagulho). O palhaço creepy, no entanto, ficou imortalizado por Bill Skarsgard, filho do ator Stellan Skarsgard.

Valak (A Freira)

O demônio freira Valak apareceu pela primeira vez em Invocação do Mal 2 (2016) e fez tanto sucesso que terminou ganhando um filme próprio. Fora do hábito, a criatura assustadora é a atriz Bonnie Aarons, cuja qualidade andrógena e as feições brutas a garantiram a forma perfeita (com a adição de quilos de maquiagem, é claro) para personificar a freira, que de Deus não tem nada.

Samara (O Chamado)

Aproveite para assistir:


Essa aqui fará muitos marmanjos surpresos, se tornando babões. A assombração Samara, a menina saída do poço, causou comoção com os filmes da franquia O Chamado, em especial o primeiro de 2002. A maldição da fita de vídeo e a ligação ameaçando quem a assistia com apenas mais sete dias de vida, eram trazidas pela atormentada menina, cuja forma era de dar calafrios. Fora da maquiagem pesada, no entanto, a personagem era vivida pela angelical Daveigh Chase, que cresceu e se tornou uma linda mulher. Aposto que terão muitos querendo receber a ligação.

Kayako (O Grito)

Recentemente, essas duas assombrações se encontraram num filme bem no estilo Freddy VS Jason (2003). O que acontece é que Kayako e Sadako (como é conhecida Samara em sua versão original nipônica) são dois verdadeiros ícones do terror japonês, assim como Freddy e Jason o são para os slasher americanos. Em O Chamado vs. O Grito (ou Sadako Vs Kayako no original), de 2016, as duas finalmente se encontram. Antes disso, no entanto, Kayako dava as caras em Ju-on, o filme original japonês, sua continuação, seu remake americano e sua continuação. E o melhor, tudo sempre interpretada pela mesma atriz, Takako Fuji.

Crítica | Sadako vs Kayako – Dois ícones do gênero caem na porrada e são os fãs que perdem

Freddy Krueger (A Hora do Pesadelo)

Por falar em Freddy Krueger, o vilão de garras afiadas e rosto queimado é provavelmente o demônio mais memorável de todos os filmes de terror. E você, o que acha? Tanto que de antagonista, o sujeito que habita os sonhos de suas vítimas passou a protagonista, roubando o show e ficando cada vez mais divertido – o que apenas comprava sua popularidade. Durante todos os filmes da franquia, o personagem foi vivido pelo ator Robert Englund – que só foi substituído no remake de 2010.

Pinhead (Hellraiser – Renascido do Inferno)

Ainda na década de 1980, uma das obras de terror mais nojentas da época foi esta adaptação do livro de Clive Barker, dirigida pelo próprio. Assim como Freddy Krueger, uma figura ficaria extremamente popular no filme, retornando em todas as sequências, e ganhando cada vez mais espaço. Trata-se da criatura chamada Cenobita, uma espécie de demônio que lidera um grupo igual a ele, saídos diretamente do inferno. A criatura com a cara cheia de pregos foi prontamente apelidado de Pinhead pelos fãs. No filme e em suas sequências, ele foi vivido pelo ator Doug Bradley.

Esther (A Órfã)

Vira e mexe citamos este filme aqui em alguma lista. Ou seja, se você ainda não viu, corra para ver. É bem verdade que a menina “encapetada” Esther, protagonista do filme, não usa maquiagem. Mas seu jeitinho meigo, de chuquinhas, ao longo do filme até seu desfecho ganhará novos aspectos assustadores (sem querer dar spoiler). De qualquer forma, sua intérprete, a atriz Isabelle Fuhrman, que anda bastante sumida e não merecia, cresceu e se tornou uma linda jovem mulher. É um caso parecido com o ocorrido com a Samara de O Chamado.

Tomás (O Orfanato)

Bom, tivemos duas meninas assustadoras transformadas em belas mulheres na lista, agora é a vez de mostrarmos um menininho pra lá de creepy que também de tornou um rapaz com jeito de galã. Aqui, estamos falando de um filme cult, que merecia bem mais atenção e que não é tão comentado quanto deveria. Trata-se de O Orfanato, terror espanhol de 2007, dirigido por ninguém menos que J.A. Bayona, cineasta que viria a comandar grandes obras como O Impossível (2012) e Jurassic World: Reino Ameaçado (2018). No filme, um orfanato é assombrado por estranhas figuras, entre elas o menininho Tomás, que usa uma máscara feita de saco e adora trancar os outros no banheiro. O menino foi vivido pelo ator Óscar Casas, que cresceu bastante.

O Creeper (Olhos Famintos)

Outro grande favorito dos fãs, o Creeper é a criatura predadora dos filmes Olhos Famintos, produzidos por Francis Ford Coppola. O monstro que habita as estradas secundárias, pronto para se alimentar de anos em anos, é um ser humanoide, que usa roupas, mas quando chega a hora H, mostra sua verdadeira face: uma espécie de morcego humano, de pele viscosa e grandes asas. Nunca explicam de onde ele saiu, mas por trás da maquiagem o creeper foi vivido pelo ator Jonathan Breck nos três filmes lançados.

Dren (Splice – A Nova Espécie)

Por falar em criaturas aladas, essa aqui saiu de um laboratório, ganhando vida ao ser criada por dois cientistas. Os “doutores Frankenstein” vividos por Sarah Polley e Adrien Brody criam um pequeno ser e o veem evoluir até se tornar uma garotinha. A dupla termina “adotando” sua criação. Mas conforme ela vai crescendo, e assumindo as formas de mulher, vai ficando cada vez mais agressiva e instável. Apesar da maquiagem, a criatura muito semelhante a uma mulher foi interpretada pela bela modelo francesa Delphine Chanéac.

O Duende (O Duende)

Jennifer Aniston é a estrela da comédia Friends e dos filmes românticos das décadas passadas. Mas ela é também a estrela de O Duende (1993), terror B que fez a alegria dos aficionados órfãos de Jason e Freddy na década de 1990. Não acredita? É só dar uma procurada. O Duende se tornou mais uma das figuras cultuadas dos filmes de terror, ele, no entanto, reinou somente no mercado de vídeo. Nos primeiros seis filmes (isso mesmo), que foram até 2003, o personagem foi vivido por Warwick Davis, ator que ficou conhecido por filmes como Willow – Na Terra da Magia (1988) e Harry Potter.

Pennywise (It – Uma Obra Prima do Medo)

Antes de perseguir o clube dos perdedores em 2017 nos cinemas, o palhaço Pennywise havia perseguido o clube dos perdedores em 1990 na TV. Sim, a primeira aparição do assustador palhaço foi numa minissérie que serviu de adaptação da obra de Stephen King. Na produção, a criatura ficou imortalizada nas formas do talentoso Tim Curry, o eterno Dr. Frank-N-Furter, do cult The Rocky Horror Picture Show (1975).



COMENTÁRIOS