Crítica em Vídeo | Os Incríveis 2 – Vale pela nostalgia e diversão…

Crítica em Vídeo | Os Incríveis 2 – Vale pela nostalgia e diversão…


Nota:


O editor-chefe Renato Marafon traz a crítica em vídeo da animação ‘Os Incríveis 2‘ – que chega 14 anos após o lançamento do primeiro filme.

Assista a crítica:

Confira a crítica EM TEXTO:

Aproveite para assistir:


Crítica | Os Incríveis 2 – Recicla o roteiro do 1º filme, mas ainda diverte…

Os Incríveis 2‘ superou as projeções (que girava em torno de US$ 140 milhões) em sua estreia, arrecadando estimados US$ 181 milhões – tornando-se, assim, a oitava maior abertura de todos os tempos e a melhor da história para um filme de classificação livre nos EUA.

Além disso, ‘Os Incríveis 2‘ desbancou ‘Procurando Dory‘ (US$ 135), e agora segura o recorde de melhor estreia para um filme da Pixar.

Na trama, Helena (Holly Hunter) decide iniciar uma pedindo a volta dos super-heróis, enquanto Beto (Craig T. Nelson) vive um dia a dia normal de dono de casa cuidando de Violeta (Sarah Vowell), Flecha (Huck Milner) e do bebê Zezé, cujos superpoderes estão prestes a serem descobertos. A missão deles sofre uma reviravolta, quando um novo vilão surge com um brilhante e perigoso plano que ameaça acabar com o mundo. Mas a família Pêra não foge do desafio, ainda mais com Gelado (Samuel L. Jackson) combatendo o vilão ao seu lado.



COMENTÁRIOS