Paranoia é uma coisa que, quando bate, fica bem complicado de administrar. A ideia entra na sua cabeça e se instala ali como um parasita, te impedindo de enxergar as coisas por outros ângulos – muitas vezes, pelo ângulo certo em que as coisas acontecem. A paranoia evolui para a obsessão, que cega de vez qualquer resquício de razão no cérebro e faz com que o indivíduo seja capaz de atitudes inimagináveis. Do conflito entre esses dois elementos vem o suspenseHóspede Indesejado’, lançamento da Amazon Prime.

Scott (Michael Ealy) e Annie (Meagan Good) são um jovem casal bem-sucedido e rico, que mora na cidade cosmopolita de São Francisco. Mas eles têm planos de criar uma família, e, portanto, decidem comprar uma casa mais isolada, em Napa Valley, onde as crianças poderão crescer ao ar livre. É assim que eles encontram a casa de Charlie Peck (Dennis Quaid), um imóvel lindo, espaçoso, com quintal frontal todo bem cuidado e veados que passeiam na reserva natural aos fundos. Scott e Annie decidem fechar o negócio, certos de que acharam a casa dos sonhos, porém, não vai ser tão fácil assim se livrar do ex-dono da casa, pois Charlie aos poucos vai demonstrando ter um apreço um pouco obsessivo pela sua ex-propriedade.

O conceito do vizinho obcecado pela nova família não é exatamente novo, mas a forma como essa história é contada é que faz o diferencial para o espectador. No caso de ‘Hóspede Indesejado’, uma diferença essencial traz um frescor narrativo à produção: o casal principal é composto por um homem e uma mulher pretos, e o vizinho obsessor é um homem branco. Os três atores, inclusive, estão muito bem em seus papéis, imprimindo as emoções condizentes com seus personagens à medida em que os episódios evoluem.



A direção de Deon Taylor constrói um bom filme de suspense estilo gato e rato, que mescla o ambiente familiar feliz, cheio de sonhos, com a gradual demolição dessa redoma alegre, através do ex-proprietário que se faz de bom amigo e muito sutilmente vai colocando suas garras pra fora e demonstrando não estar muito a fim de largar o osso. Lidar com uma ameaça que se faz de amigo é bem mais complicado do que combater um inimigo declarado.

Apesar de bem executado, o roteiro de David Loughery dá uma desviada no fim do segundo arco, perdendo um pouco o foco do que está sendo apresentado. Tal desvio leva os personagens a cometerem algumas atitudes desnecessárias, que dão a sensação de apenas preencher espaço da produção e distrair o espectador.

Aproveite para assistir:





Aos que estão buscando uma opção de suspense suave, sem grandes jump-scares mas com uma boa historinha, ‘Hóspede Indesejado’ é exatamente esse tipo de filme. Dá para ver sem medo, e ainda desfrutar de uma pequena paranoiazinha caso você seja uma pessoa que more em uma casa.

Comentários

Não deixe de assistir:

🚨 INSCREVA-SE NO NOSSO CANAL DO YOUTUBE 🚨http://bit.ly/CinePOP_Inscreva