Apesar de recheados de imaginação, ideias fantásticas e emoção de sobre, o mundo de Toy Story abre espaço para diversas perguntas – sendo uma das principais delas a seguinte: os brinquedos da franquia podem morrer ou eles são imortais?

A resposta dessa questão veio diretamente de Lee Unkrich, um dos icônicos diretores da Pixar que tem suas raízes na saga.

Além de ter dirigido e co-escrito Toy Story 3’, trabalhou como editor em Toy StoryToy Story 2’, co-escreveu o segundo longa-metragem e retornou como produtor executivo no último capítulo, lançado em 2019.

Quando se deparou com a pergunta, Unkrich escreveu no Twitter que os brinquedos podem tanto morrer quanto serem imortais.



“Eles vivem o tanto que existirem. Mas e se eles fossem completamente destruídos? Digamos, em um incinerador. Fim de jogo”, ele escreveu, fazendo referência à dramática cena de Toy Story 3’ em que Woody e os brinquedos se preparam para o fim.

Ou seja: se nossos amados brinquedos forem destruídos, eles podem sim morrer. Imagina que triste?

Aproveite para assistir:

Toy Story 4’, o último filme de saga, alcançou a impressionante marca de 1,073 bilhão de dólares, tornando-se o mais rentável de todos os capítulos. Além disso, o longa levou para casa o Oscar de Melhor Animação neste ano, sendo o segundo a conquistar o feito.



COMENTÁRIOS

Não deixe de assistir: