Se tem algo que Game of Thrones sabe fazer é chocar o público.

A série épica de fantasia, drama e tragédia, desde o princípio, arquitetou personagens extremamente complexos que participavam de arcos bem construídos e com reviravoltas constantes, colocando-os ora como heróis, ora como vilões – isso sem mencionar as tramas paralelas que participavam ativamente do dinamismo e da sucessão de eventos na produção.

Em celebração ao iminente aniversário de dez anos da obra, o CinePOP preparou várias matérias especiais. A segunda delas abrange os dez momentos mais chocantes de ‘GoT’, desde surpreendentes acontecimentos até mortes inaceitáveis.

Confira abaixo nossas escolhas (e cuidado com os spoilers):



12. CERSEI E A CAMINHADA DA VERGONHA

Episódio 05×10: Mother’s Mercy

No último episódio da quinta temporada, Cersei Lannister (Lena Headey) revela ter cometido adultério, mas nega que cometeu incesto ou que tenha participado da morte do Rei Robert. Para poder voltar a Porto Real, o Alto Pardal (Jonathan Pryce) a obriga a realizar a Caminhada da Vergonha, uma das cenas mais agonizantes do show – em que a impiedosa personagem mostra sua vulnerabilidade durante seis torturantes minutos, sendo humilhada pelo povo.

11. DAENERYS ENFRENTA OS KHALS



Episódio 06×04: Book of the Stranger

Daenerys Targaryen (Emilia Clarke) já havia conquistado o público ao sair das chamas da pira de seu falecido marido com três dragões recém-nascidos – mas seu poder máximo seria mostrado em “Book of the Stranger”. O quarto episódio da 6ª temporada a coloca frente a frente com os Khals, queimando-os dentro da própria assembleia, e ganhando a fidelidade de seus súditos.

10. JAIME TEM A MÃO DECEPADA

Aproveite para assistir:



Episódio 03×03: Walk of Punishment

Nas Terras Fluviais, Jaime convence Locke (Noah Taylor) que o pai da guerreira Brienne (Gwendoline Christie) é extremamente rico, impedindo seus homens de estuprá-la. Jaime, então promete que irá compensá-lo com joias e ouro caso volte vivo – mas Locke, enganando-o, o desacorrenta e arranca um faca de seu bolso para cortar a mão de espada de Jaime.

9. ARYA MATA O REI DA NOITE

Episódio 08×03: The Long Night



Apesar dos altos e baixos da 8ª temporada, “The Long Night” despontou como um dos principais episódios da série – e contém uma das cenas mais chocantes da produção. Durante a batalha contra o Rei da Noite, na qual tudo parecia perdido, Arya Stark (Maisie Williams) uniu toda a árdua prática para se tornar Ninguém e assassinar o principal algoz do episódio, matando-o com uma facada certeira.

8. DAENERYS INCENDEIA PORTO REAL

Episódio 08×05: The Bells

No quinto episódio da 8ª temporada, Cersei, percebendo que estava prestes a perder a batalha para Daenerys e seu descomunal exército, tocou os sinos de Porto Real rendendo-se e clamando por misericórdia. Qual foi nossa surpresa (ou nem tanta assim), quando khaleesi alçou voo em seu dragão e destruiu cada centímetro da cidade, incendiando qualquer um em seu caminho.

7. JOFFREY MORRE ENVENENADO


Episódio 04×02: The Lion and the Rose

Depois do trágico final da terceira temporada, os fãs de Game of Thrones presenciaram um dos momentos de maior alegria e satisfação da série com a morte do psicótico Rei Joffrey (Jack Gleeson). Em “The Lion and the Rose”, o personagem toma, inadvertidamente, um potente veneno que o faz asfixiar até a morte, morrendo nos braços da própria mãe, Cersei.

6. A MORTE DE RAMSAY

Episódio 06×09: Battle of the Bastards

Além de Joffrey, outra morte bastante satisfatória para o público foi a de Ramsay Bolton (Iwan Rheon). O psicótico personagem, que torturou constantemente o jovem Theon (Alfie Owen-Allen), encontrou seu fim nas mãos de Sansa (Sophie Turner), que o fez de refém e o entregou de alimento para famintos cachorros selvagens.

5. BRAN É EMPURRADO DA TORRE

Episódio 01×01: Winter Is Coming

Logo no primeiro episódio, Game of Thrones já mostrou que não seria uma série de fantasia qualquer: no final do piloto, o jovem Bran (Isaac Hempstead Wright) flagra Cersei e Jaime em um ato incestuoso sexual e, como resposta, é empurrado pelo personagem de Coster-Waldau do alto de uma torre – entrando em coma e ficando paralítico.

4. A EXPLOSÃO DO GRANDE SEPTO

Episódio 06×10: The Winds of Winter

Em apenas um movimento, Cersei Lannister conseguiu destruir todos os seus inimigos e aqueles que a haviam humilhado: “The Winds of Winter”, último episódio da sexta temporada, foi recebido com aclame universal pela crítica e, até hoje, é considerado um dos melhores episódios de todos os tempos. O motivo? Um plano eximiamente bem executado que culminou na catártica explosão do Grande Septo de Baelor.

3. STANNIS QUEIMA A PRÓPRIA FILHA

Episódio 05×09: The Dance of Dragons

A loucura religiosa de Stannis Baratheon (Stephen Dillane) alcançou proporções catastróficas e condenáveis com “The Dance of Dragons”, nono episódio da 5ª temporada. Aqui, como sacrifício ao Lorde da Luz e alimentado pelas promessas da perigosa e envolvente Melisandre (Carice van Houten), Stannis queima a própria filha, Shireen (Kerry Ingram), em um altar.

2. A EXECUÇÃO DE NED STARK

Episódio 01×09: Baelor

Game of Thrones mostrou que não teria escrúpulos em sacrificar os personagens mais queridos no nono episódio da temporada de estreia, “Baelor”. Aqui, após confessar sua traição, Ned Stark (Sean Bean) foi condenado com morte por decapitação a mando do Rei Joffrey.

1. O CASAMENTO VERMELHO

Episódio 03×09: The Rains of Castamere

Merecidamente no topo de nossa lista, o Casamento Vermelho entrou para a história como um dos capítulos mais chocantes e angustiantes da história da televisão. A sequência, embutida no episódio “The Rains of Castamere”, promove um massacre sem precedentes a mando de Walder Frey (David Bradley), trazendo uma brutal resolução para personagens como Robb Stark (Richard Madden), Talisa Stark (Oona Chaplin) e Catelyn Stark (Michelle Fairley).

Comentários

Não deixe de assistir:

🚨 INSCREVA-SE NO NOSSO CANAL DO YOUTUBE 🚨http://bit.ly/CinePOP_Inscreva