Sessões especiais de abertura e encerramento apresentam três novos filmes pernambucanos

O 7º Janela Internacional de Cinema do Recife tem o prazer de anunciar as sessões especiais de abertura e encerramento, que serão realizadas no Cinema São Luiz. São três produções recentes feitas em Pernambuco, que poderão ser assistidas pela primeira vez no estado em projeções com alta definição de som e imagem no Cinema São Luiz.

SEM CORAÇÃO

Abrindo a programação 2014 do festival, no dia 24 de outubro, o curta “Sem coração” é o vencedor do Prix illy du court métrage na Quinzena dos Realizadores, onde estreou em maio passado como único representante brasileiro no Festival de Cannes. Dirigido por Nara Normande e Tião, o curta narra o encontro de um garoto que vai passar férias na casa de seu primo, em uma vila pesqueira, com uma menina apelidada de “Sem Coração”. O curta é destaque também em festivais brasileiros como em Brasília, onde foi premiado como melhor filme, direção e montagem.

Brasil S/A” é o longa-metragem de abertura. O terceiro longa-metragem de Marcelo Pedroso (“Pacific”) estreia em Pernambuco após receber cinco prêmios no último Festival de Brasília: melhor direção e roteiro para Pedroso, montagem para Daniel Bandeira, som para Pablo Lamar e trilha sonora para Mateus Alves. O filme acompanha a saga de um cortador de cana-de-açúcar, que após ser substituído por máquinas, se engaja em sua primeira missão espacial. “Um pequeno passo para ele, um salto enorme para o Brasil”, diz a sinopse.

Aproveite para assistir:

Brasil SA

O longa-metragem de encerramento é “Sangue Azul”, de Lírio Ferreira, que com o novo filme quebra um hiato de nove anos desde seu último filme de ficção, “Árido Movie”. Com roteiro do próprio Lírio, Sérgio Oliveira e Felipe Gamarano, a produção foi inteiramente rodada em Fernando de Noronha, elenco liderado por Daniel de Oliveira, Caroline Abras e Paulo César Peréio e, segundo a sinopse oficial, “é um filme sobre a impossibilidade de amar e a morte da arte no paraíso”. No último Festival de Paulínia (SP), “Sangue Azul” ganhou os troféus de melhor fotografia (Mauro Pinheiro Jr) e figurino (Juliana Prysthon).

O 7º Janela Internacional de Cinema do Recife ocorre entre os dias 24 de outubro a 2 de novembro, nos cinemas São Luiz e da Fundação, e tem patrocínio da Fundarpe/Governo do Estado e da Petrobras.

Mais informações: www.janeladecinema.com.br.


Comentários

Não deixe de assistir:

SE INSCREVA NO NOSSO CANAL DO YOUTUBE