As gravações da sequência ‘Jurassic World: Dominion‘ (Jurassic World: Dominação) estão a todo vapor e o cineasta Colin Trevorrow compartilhou duas novas imagens dos bastidores das gravações, que evidenciam o gélido cenário da continuação.

Confira:

 

Ver essa foto no Instagram

 

Massive thanks to our Canadian crew. Best of the best. (Pictured: Jessica Yi, Grip)

Uma publicação compartilhada por Colin Trevorrow (@colin.trevorrow) em



 

Ver essa foto no Instagram

 

We took the names off the chairs. Everyone matters the most.

Uma publicação compartilhada por Colin Trevorrow (@colin.trevorrow) em

 

Ver essa foto no Instagram

 

Annys & Rebecca—Associate Producer and Trusted Assistant—on the open range. #JWCrew

Uma publicação compartilhada por Colin Trevorrow (@colin.trevorrow) em

Por enquanto, o enredo do longa ainda permanece um mistério, mas novas atualizações devem surgir em breve.



A Universal Pictures anunciou que a sequência chegará aos cinemas em 11 de junho de 2021.

Aproveite para assistir:



Emily Carmichael (‘Círculo de Fogo: A Revolta‘) está escrevendo o roteiro junto com Colin Trevorrow.

O capítulo final da saga ‘Jurassic World’ já deu início em sua produção. Em entrevista ao site especializado na franquia, Jurassic Outpost, Trevorrow comentou sobre o que os fãs podem esperar para o terceiro filme.

“Não tenho ideia do que motivaria os dinossauros a destruir uma cidade. Eles não são organizados. Na vida real temos predadores letais que vivem nos arredores de áreas urbanas que não entram nas cidades para caçar humanos. O mundo que estou ansioso para criar é onde seja possível encontrar rotineiramente um dinossauro cruzando estradas ou um que invada seu quintal à procura de comida. Nós simplesmente não entramos em guerra com os animais. A teríamos perdido há muito tempo.”

Ele também comentou sobre como a recepção das críticas dos fãs e jornalistas ajudou na narrativa de ‘Jurassic World: Reino Ameaçado‘:



“Nós viramos para um lado mais sombrio de ‘Jurassic Park‘ naquele roteiro. O primeiro filme era uma aventura colorida e pop, já no segundo resolvemos explorar o lado feio da humanidade e o tratamento cruel com animais. Mas acho que Bayona, o diretor, nos deteve de ir longe demais, o que é algo bom. Ele abraçou os elementos sombrios, mas adicionou humor na aventura. A ideia de tornar a venda dos dinossauros em um leilão para os super ricos também foi dele. Na versão original, era algo bastante clandestino e sujo. Acho que a versão que foi para o filme funciona melhor para as crianças. Foi uma grande vantagem termos ele no time.

 

Comentários

Não deixe de assistir:

🚨 INSCREVA-SE NO NOSSO CANAL DO YOUTUBE 🚨http://bit.ly/CinePOP_Inscreva

SE INSCREVA NO NOSSO CANAL DO YOUTUBE