O astro Kit Harington, mais conhecido por seu trabalho na aclamada série ‘Game of Thrones‘, admitiu ter sofrido com depressão, alcoolismo e pensamentos suicidas durante sua jornada na série e até mesmo após o seu fim.

A revelação foi feita em uma recente entrevista ao Sunday Times Mazagine. Na ocasião, o ator compartilhou um pouco de suas lutas, mas preferiu não detalhar quais foram todos os vícios que enfrentou nos últimos anos.

“As coisas que aconteceram comigo desde que Thrones acabou – e que também aconteceram durante a série – foram de uma natureza muito traumática e incluíam álcool”.

Harington foi ainda mais além e revelou os conflitos psicoemocionais que travou nos últimos tempos, incluindo constantes pensamentos suicidas:

“Eu passei por períodos de profunda depressão, em que eu queria fazer todo tipo de coisa. Você chega em um lugar onde você se sente como uma pessoa má, você sente que é uma vergonha e acha que não há nenhuma outra saída, que este é quem você é. E ficar sóbrio é o processo de entender que ‘não, eu posso mudar’. Uma das coisas favoritas que aprendi recentemente é que a expressão ‘um leopardo não consegue mudar suas manchas’ é completamente falsa. Um leopardo pode, de fato, mudar as suas manchas e eu acho que isso é a coisa mais linda e realmente me ajudou. Isso é algo no qual eu me apeguei: A ideia de que eu consigo fazer essa enorme mudança em quem eu era e como eu lidava com a minha vida”. 



O astro ainda confessou que levava uma espécie de vida dupla, escondendo os vícios daqueles que o cercavam. Falando de forma franca, Harington ainda compartilhou o quanto tudo isso afetou o seu casamento com Rose Leslies, ex-colega de elenco de ‘Game of Thrones’.

“Eu mantive os vícios em sigilo e era incrivelmente cauteloso para mantê-los em segredo e bem guardados. Então eles vieram à tona como uma espécie de surpresa para as pessoas ao meu redor”.

Em 2019, o ator se internou em uma clínica de reabilitação em Connecticut e desde então está sóbrio, exceto pelo uso de tabaco.

Aproveite para assistir:

Não deixe de assistir: