quarta-feira, julho 17, 2024

M. Night Shyamalan reflete sobre as DECEPÇÕES de ‘A Dama na Água’ e ‘Fim dos Tempos’

M. Night Shyamalan começou sua carreira no circuito cinematográfico da melhor forma possível – com o lançamento de ‘O Sexto Sentido’, que, apesar de ser sua terceira vez como diretor, foi o primeiro a ganhar exibição mundial e conquistou seis indicações ao Oscar, além de arrecadar US$870 milhões ao redor do planeta.

Pouco depois, ele manteve sua popularidade com ‘Corpo Fechado’‘Sinais’ e até mesmo o subestimado ‘A Vila’. Entretanto, em 2006, sua fama começou a desandar com o lançamento de ‘A Dama na Água’ – um fracasso descomunal tanto de crítica quanto de bilheteria.

Em entrevista ao The Hollywood Reporter, Shyamalan refletiu sobre as decepções que vieram com o filme em questão e ‘Fim dos Tempos’, lançado dois anos depois.

‘Uma coisa que eu levo de ‘A Dama na Água’ é a ideia de: ‘como vou vender esse filme?'”, ele comentou. “Agora, eu conto essa história para todos os cineastas com quem trabalho. Também disse para minha filha [Ishana Night Shyamalan], que está prestes a fazer seu primeiro filme. Eu disse: ‘os publicitários são as primeiras pessoas a quem você conta sua história. Eles começam a história. É parte da arte. Então, você tem que começar a pensar sobre isso conforme faz o filme”.

Shyamalan continua: “com ‘Dama’, não fiz isso. Eu só fiz algo que amava. Foi o menos visto dos meus filmes, mas, até hoje, as pessoas vêm para mim e falam sobre o filme religiosamente”.

O cineasta também falou sobre seus dois filmes seguintes, ‘O Último Mestre do Ar’‘Depois da Terra’, que são considerados outras manchas de sua carreira.

“Todos nós passamos por momentos em nossas vidas em que queremos ser aceitos. Cansamos de lutar e ter de defender quem somos”, ele disse. “E às vezes abertamente, eles dirão: ‘você está errado por fazer isso dessa maneira. Você é arrogante. Se você apenas fizer isso, isso e isso, tudo vai funcionar para você’. E eu disse: ‘OK, talvez você esteja certo’. Então, fiz um esforço genuíno para aderir ao sistema, mas aprendi que a coisa especial que me faz feliz era difícil de fazer dentro daquele sistema. Foi maravilhoso ter essa oportunidade, mas há tantas pessoas que são muito melhores nesse tipo de narrativa do que eu”.

Lembrando que o próximo projeto de Shyamalan, ‘Batem à Porta’, chega aos cinemas nacionais amanhã, 02 de fevereiro.

O longa traz Jonathan Groff (‘Mindhunter’) e Ben Aldridge (‘Fleabag’) como um casal de férias numa cabana na floresta, que são surpreendidos por um grupo de fanáticos religiosos que acreditam que eles serão a causa do início do Apocalipse. A jovem e seus pais precisam fazer uma escolha impensável para evitar o apocalipse, enquanto estão com acesso limitado ao mundo exterior.

Não deixe de assistir:

O longa também é estrelado por Dave Bautista (‘Army of the Dead’), Rupert Grint (‘Servant’) e Nikki Amuka-Bird (‘Tempo’).

Mais notícias...

Thiago Nollahttps://www.editoraviseu.com.br/a-pedra-negra-prod.html
Em contato com as artes em geral desde muito cedo, Thiago Nolla é jornalista, escritor e drag queen nas horas vagas. Trabalha com cultura pop desde 2015 e é uma enciclopédia ambulante sobre divas pop (principalmente sobre suas musas, Lady Gaga e Beyoncé). Ele também é apaixonado por vinho, literatura e jogar conversa fora.

Siga-nos!

2,000,000FãsCurtir
370,000SeguidoresSeguir
1,500,000SeguidoresSeguir
183,000SeguidoresSeguir
158,000InscritosInscrever

ÚLTIMAS NOTÍCIAS

MATÉRIAS

CRÍTICAS