A Netflix continua sendo uma das plataformas de streaming mais acessíveis entre as concorrentes, considerando o custo-benefício e a variedade do catálogo.

No entanto, o analista Alex Giaimo, da Jefferies Wall Street, disse ao Deadline que a plataforma de streaming deve aumentar o preço das mensalidades em algumas regiões muito em breve.

“Depois de uma mudança na linguagem sobre os preços das mensalidades em relação ao último trimestre de 2020, acreditamos que um potencial aumento seja provável nos próximos meses.”



Giaimo disse que o novo balanço da companhia deve ser divulgado em novembro, e se os preços aumentarem, as primeiras regiões afetadas serão a Europa, a África e a os EUA.

No entanto, o aumento deve variar entre US$ 01 e US$ 02 ao mês. Mesmo assim, a mudança deve gerar um aumento entre US$ 500 milhões e US$ 1 bilhão aos cofres da Netflix em 2021.

Aproveite para assistir:



Se a proposta também for elevada a regiões como o Oriente Médio, esse faturamento anual seria de no mínimo US$ 700 milhões.

No Brasil, a cotação ficaria em torno de R$ 5,60 e R$ 11,30 a mais, mas ainda resta aguardar para saber se a alteração no valor será aplicada por aqui.

Atualmente, os planos da Netflix no Brasil estão em torno de R$ 21,90 e R$ 45,90. 



Comentários

Não deixe de assistir:

SE INSCREVA NO NOSSO CANAL DO YOUTUBE