UAU! ‘De Pernas pro Ar 3’ tira liderança de ‘Shazam!’ nas bilheterias

UAU! ‘De Pernas pro Ar 3’ tira liderança de ‘Shazam!’ nas bilheterias




De Pernas pro Ar 3‘, estrelado por Ingrid Guimarães e lançado pela Paris Filmes e Downtown Filmes, estreou ontem (quinta, 11 de abril) e já mostrou que nosso cinema nacional tem força para brigar de igual pra igual com os super-heróis americanos que costumam dominar as salas brasileiras.

No seu primeiro dia, a comédia dirigida por Júlia Rezende, levou mais de 60 mil pessoas aos cinemas, batendo o blockbuster ‘Shazam!‘, da gigante DC Comics, que estreou na semana passada e ficou na segunda posição, mesmo em cartaz em mais salas.

Crítica | De Pernas Pro Ar 3 – Ingrid Guimarães volta quase dez anos depois e valeu a espera 

Assista nossa entrevista com Ingrid Guimarães:

O longa dirigido por Julia Rezende mostra a personagem Alice Segretto vivendo um dilema comum à maioria das mulheres modernas: dividir-se entra a família e o trabalho. O sucesso da rede de lojas Sexy Delícia a leva a um tour pelo mundo e, em meio a tantas idas e vindas, a workaholic percebe que não tem conseguido acompanhar sua família, que também cresceu. Além de João (Bruno Garcia) e Paulinho (Eduardo Mello), os Segretto agora têm mais uma presença marcante: a pequena Clarinha (Duda Batista), de apenas 6 anos, que fica sob os cuidados da fiel Rosa (Cristina Pereira).

Impetuosa, Alice toma uma decisão inusitada. Decide se aposentar e entregar o comando dos negócios para sua mãe, Marion (Denise Weinberg). Mas quando surge uma competidora com potencial para roubar a cena, a vida de Alice fica mais uma vez de pernas pro ar. É a jovem Leona (Samya Pascotto) que vai provocar em Alice a vontade incontrolável de voltar ao mercado de produtos eróticos e retomar seu lugar.

O primeiro filme foi lançado em Dezembro de 2010 e arrecadou R$ 31,4 milhões de bilheteria, com público de 3,5 milhões de espectadores. ‘De Pernas pro Ar 2‘ usou praticamente a mesma fórmula do primeiro filme, e conseguiu um público de 4,8 milhões de espectadores.

COMENTÁRIOS