Crítica | Um Amor a Cada Esquina

Crítica | Um Amor a Cada Esquina

COMPARTILHE!

Mais de 10 anos após seu último trabalho como diretor no cinema, Peter Bogdanovich retorna às telonas mostrando que ainda sabe fazer bons filmes com o longa ‘Um Amor a Cada Esquina‘ (She´s Funny That Way).

A história é simples: Izzy é uma garota de programa que sonha em ser atriz. Sua maior inspiração é Audrey Hepburn no filme ‘Bonequinha de Luxo‘, o que faz com que ela prefira ser chamada de “Musa” ao invés de prostituta.

A garota que romanceia sua profissão (e sua vida) conhece Arnold Albertson, um famoso diretor de teatro que lhe oferece 30 mil dólares para que ela deixa a profissão e possa viver seu sonho. Izzy aceita o dinheiro, larga a noite e vai à procura do seu primeiro teste de elenco quando se depara com nada mais, nada menos do que seu “investidor” como diretor e a esposa do mesmo como uma das protagonistas. E é aí que a história se desenvolve.




umamoracadaesquina_1

Com um roteiro despretensioso e divertido, a história segue apresentando novos personagens que vão compondo a trama e causando uma confusão após a outra.

Apesar de Owen Wilson (que continua fazendo o mesmo tipo de personagem no qual estamos acostumados) e Imogen Poots (‘Namoro ou Liberdade’) serem os protagonistas, quem rouba a cena mesmo é Jennifer Aniston, que interpreta uma psicóloga meio maluca sem nenhuma ética profissional e é responsável pelos melhores momentos do filme. Kathryn Hahn (a esposa traída) também protagoniza uma das sequências mais engraçadas do longa.

O elenco também conta com Rhys Ifans (que interpreta um ator famoso que integrará a peça e é obcecado pela esposa do diretor), Austin Pendleton (um ex-cliente de Izzy que começa a persegui-la), Will Forte (roteirista da peça e marido da psicóloga interpretada por Aniston) e uma rápida aparição do grande Quentin Tarantino.




Um Amor a Cada Esquina‘ tem um timing afiado e mesmo com uma história improvável, é divertido, leve e gostoso de acompanhar. O filme se destaca de outras comédias do gênero devido ao seu talentoso elenco, sendo uma ótima escolha pra uma noite de domingo.

 

amoracadaesquina_1

Curta nossa ENTREVISTA com a Nina Dobrev:


» Siga o CinePOP no Facebook e no Twitter para saber todas as notícias sobre cinema! «