Líderes religiosos recomendam ‘Ben-Hur’ como um exemplo de superação

Líderes religiosos recomendam ‘Ben-Hur’ como um exemplo de superação

COMPARTILHE!

Hoje (18/08), estreia o filme Ben-Hur nos cinemas pelo Brasil e alguns líderes religiosos recomendam a produção pela fidelidade aos valores cristãos. Além disso, enfatizam que o filme mantém todos os predicados de épico, com bastante ação, e a sensibilidade do diretor Timur Bekmambetov que conseguiu traduzir de forma magnifica a mensagem de amor e perdão ministrada por Cristo, em perfeita harmonia.

Eles são unânimes ao afirmar que o longa propõe uma quebra de paradigmas no que diz respeito ao poder transformador do perdão e da estrutura familiar.

Ben-Hur é um filme lindo que se propõe a transmitir a mensagem de amor e perdão de Jesus, principalmente nesse ano da misericórdia, que é capaz de transformar o mundo. Portanto, convido a todos a assistirem nos cinemas esse belo filme”.




– Dom José Francisco, Arcebispo da Arquidiocese de Niterói

“Minha expectativa para o filme era grande, e foi superada pelo profissionalismo cinematográfico empregado nessa nova produção de Ben-Hur. É um filme para todos, independentemente de religião, embora os valores Cristãos sejam bem marcantes no longa, são apresentados com muito respeito e harmonia, preservando também a marca de filme épico a que se propõe. Portanto, convido a todos a comprovarem nas telonas do país a importância da integração familiar tão necessários atualmente na sociedade”.

– Pe. Jefferson Merighetti, Assessor das Mídias Sociais ARQRIO.

“O filme Ben-Hur é uma bênção que vai impactar sua família, pois apresenta uma visão diferente da época de Jesus. Portanto, vale apena conferir nos cinemas essa belíssima produção que fala de amor e perdão”.




– Pr. Anderson, Diretor da OMEB (Ordem de Ministros Evangélicos do Brasil).

“O filme Ben-Hur nos traz uma mensagem de unidade, de amor e misericórdia. Nesse tempo que o Brasil está vivenciado o clima das olímpiadas essa produção demonstra a competição, mas também a importância da reconciliação pelo amor. Convido a todos a assistir ao filme nos cinemas, pois será um excelente exemplo de como devemos ver a vida”.

– Dom Anselmo Chagas, Diretor da Faculdade de São Bento e Sacerdote no Mosteiro de São Bento, no RJ.

Leia nossa crítica em texto:

Crítica | Ben-Hur

Siga o CinePOP no Facebook e no Twitter para saber todas as notícias sobre cinema!


Não esqueça de CURTIR nossa MATÉRIA ESPECIAL: