Enquanto a cultura pop celebra em 25 de maio o Dia da Toalha, mais conhecido como Dia do Orgulho Nerd, nesta mesma data os povos africanos celebram o Dia da África. A data foi estipulada para celebrar a fundação da Organização da Unidade Africana, e, a partir daí, lembrar e comemorar a independência dos povos africanos, ocorridas em sua maioria entre as décadas de 1960 e 1970. Apesar de o imaginário coletivo ainda colocar a África e os africanos sempre no lugar de mazela, há muita cinematografia boa sendo produzida naquele continente, contando histórias diversas e muito além do sofrimento e da pobreza comumente noticiadas. Por isso, separamos para vocês 10 séries e filmes atuais na Netflix produzidos em diferentes países da África, que mostram que as culturas africanas são contemporâneas e plurais.

10 – Adú (2020)

De maneira crua e direta, o longa retrata o drama contemporâneo dos imigrantes africanos para cruzar a fronteira com a Espanha no norte do continente. Ao acompanharmos a jornada do pequeno Adú, que foi testemunha de um assassinato, o longa ainda joga luz sobre o terrível tráfico e matança de animais selvagens e em extinção, oriunda da ganância e luxúria ocidental.


9 – Sangue e Água (2020)

Aproveite para assistir:



A série, que já está na segunda temporada e com a terceira em produção, conta a história de uma estudante na Cidade do Cabo (África do Sul) cuja irmã fora sequestrada no passado. Porém, ao conhecer uma jovem e famosa nadadora, ela passa a desconfiar que a moça possa ser sua irmã desaparecida.

8 – Queen Sono (2020)


Série sul-africana de suspense policial com apenas uma temporada e seis episódios. Nela acompanhamos uma policial, Sono, que se infiltra em uma perigosa rede de mafiosos enquanto investiga o assassinato de sua mãe. Os episódios foram gravados em diversos países africanos, como África do Sul, Nigéria, Quênia e Tanzânia.

7 – Amina (2021)

Épico nigeriano baseado na história real da rainha de Zazzau, hoje Zaria, cidade ao norte da Nigéria. Amina (1533-1610) foi uma princesa que teve que lutar muito para conseguir o direito de ser a monarca detentora do poder em um universo controlado por homens. O longa possui belas cenas de ação que demonstram como as narrativas africanas inspiram filmes como ‘Pantera Negra’.

6 – Sankofa – A África que te Habita (2020)


Belíssima série documental com dez episódios de menos de meia hora cada. Através de uma jornada circular por diversos países de África, o espectador é convidado a refletir como o aprendizado do passado semeia a contemporaneidade em África em todos os aspectos: cultural, artístico, culinário, social, etc.

5 – Da África aos EUA: Uma Jornada Gastronômica (2021)

Série documental de apenas uma temporada e quatro episódios de uma hora. Nela conhecemos como a gastronomia africana veio para as Américas e influencia e influenciou a culinária estadunidense (e americana, com um todo).


4 – O Menino que Descobriu o Vento (2019)

Baseado em emocionante história real, a coprodução britânica conta a jornada de um menino de quatorze anos do Malaui extremamente inteligente e bom de física, que, após se dedicar a estudar livros do assunto, tem a ideia de construir um gerador de energia eólica, ajudando todo o vilarejo onde vive.

3 – União de Sangue (2022)

Minissérie nigeriana de apenas quatro episódios com uma hora de duração cada. Conta a história de duas melhores amigas, que, durante uma festa luxuosa, presenciam algo que não deveriam e, a partir daí, são obrigadas a guardar um terrível segredo.


2 – Duas Semanas em Lagos (2020)

Filme de comédia romântica produzido em Nollywood, a Hollywood da Nigéria. Aqui conhecemos a história de um executivo que retorna a Lagos, capital da Nigéria, e acaba se apaixonando pela irmã de seu melhor amigo. Porém, sua família tem outros planos para ele.


1 – Solteiramente (2020)

Comédia romântica empoderada e luxuosa, conta a história de duas melhores amigas: uma não consegue esquecer o ex e acha que pode ficar muito bem solteira; a outra está determinada a fazer a amiga curtir a vida e parar de obcecar com essa história de girar seus planos ao redor dos homens.


Não deixe de assistir: