Sarah Caroline Sinclair pode não ser um nome muito conhecido, mas certamente Olivia Colman deve ter passado uma ou duas vezes por seu radas mainstreams.

Considerada uma das melhores atrizes da contemporaneidade, Colman já levou para casa diversos prêmios, incluindo um Oscar, quatro BAFTA Awards, três Globos de Ouro e um Emmy. Com uma carreira que iniciou em 1999, a artista vem dominando o cenário do entretenimento com força descomunal (e está apenas começando).

Para celebrar seu mais recente sucesso, o ótimo suspense dramático A Filha Perdida, separamos uma breve lista com dez produções estreladas por Colman que você precisa assistir – desde sua estreia na sitcom Peep Show até o aclamado drama de época A Favorita.

Confira abaixo as nossas escolhas e conte para nós qual o seu título favorito:



PEEP SHOW (2003 – 2015)

Na trama da sitcom, Colman interpreta Sophie Chapman, colega de trabalho de Mark (David Mitchell) e Jez (Robert Webb) na JBL. Na produção, ela se torna desalinhada e instável e entra como interesse de Mark por boa parte da série. Eventualmente, os dois se casam, mas se divorciam pouco depois – e, mais tarde, Sophie dá luz ao filho deles.

Aproveite para assistir:

CHUMBO GROSSO (2007)

Colman pode não ser a estrela da comédia de ação Chumbo Grosso, mas certamente fez um ótimo trabalho ao lado de seus colegas Nick FrostSimon Pegg. A narrativa gira em torno de dois policiais que investigam uma série de misteriosas e horrendas mortes em West Country – e Colman interpreta a oficial de justiça Doris Thatcher, a única mulher na delegacia de Stanford.



THE NIGHT MANAGER (2016)

Garantindo a Colman o Globo de Ouro de Melhor Atriz CoadjuvanteThe Night Manager é uma das melhores minisséries da década de 2010 e acompanha um ex-soldado britânico que seguiu a carreira como auditor noturno de um hotel de luxo – até ser arrastado para um mistério perigoso. Aqui, Colman interpreta Angela Burr, espiã que também é dona de uma modesta agência de aplicação.

FLEABAG (2016 – 2019)

Fleabag é uma das melhores séries de comédia não apenas da década passada, mas de todos os tempos. Criada pela bizarra e vibrante mente de Phoebe Waller-Bridge, a produção não seria a mesma sem a presença cativante de Colman como a madrinha da personagem titular e de Claire – que começou uma relação com o pai delas pouco depois da morte da mãe. Colman conquistou uma indicação ao Emmy por seu espetacular trabalho.

A FAVORITA (2018)

Facilmente a melhor rendição de Colman (motivo pelo qual levou o Oscar de Melhor Atriz para casa), A Favorita é ambientado na Inglaterra do século XVIII e acompanha Sarah Churchill (Rachel Weisz), a Duquesa de Marlborough, exerce sua influência na corte como confidente, conselheira e amante secreta da Rainha Ana (Colman). Seu posto privilegiado, no entanto, é ameaçado pela chegada de Abigail (Emma Stone), nova criada que logo se torna a queridinha da majestade e agarra com unhas e dentes essa oportunidade única.

THE CROWN (2019 – 2020)



A aclamada série da Netflix é centrada no reinado da icônica Rainha Elizabeth II e já levou inúmeros prêmios para casa. Na 3ª e 4ª temporada, Colman foi escalada para viver a monarca e foi recebida com aclame universal tanto por parte da crítica quanto por parte do público – faturando, inclusive, um Globo de Ouro e um Emmy por sua excepcional performance.

MEU PAI (2020)

Garantindo a Colman mais uma indicação ao Oscar, dessa vez na categoria de Melhor Atriz Coadjuvante, o poderoso e tocante drama Meu Pai’ gira em torno de um homem idoso (Anthony Hopkins) recusa toda a ajuda de sua filha (Colman) à medida que envelhece. Ela está se mudando para Paris e precisa garantir os cuidados dele enquanto estiver fora, buscando encontrar alguém para cuidar do pai. Ao tentar entender suas mudanças, ele começa a duvidar de seus entes queridos, de sua própria mente e até mesmo da estrutura da realidade.

A FAMÍLIA MITCHELL E A REVOLTA DAS MÁQUINAS (2021)

Na incrível animação A Família Mitchell e a Revolta das Máquinas, Colman prova que encontra sucesso em absolutamente qualquer gênero cinematográfico. Aqui, ela interpreta, PAL, assistente virtual de uma corporação tecnológica que se volta contra seu próprio criador e, utilizando todas as ferramentas possíveis, reúne as máquinas que possuem o selo da companhia para uma rebelião assustadora – cujo principa objetivo é livrar o mundo dos humanos.


LANDSCAPERS (2021)

Landscapers, série original da HBO, acompanha o casal Susan (Colman) e Christopher (David Thewlis) vivendo uma vida tranquila em um bairro residencial na pequena cidade de Mansfield, na Inglaterra. Tudo muda quando a polícia encontra dois corpos enterrados no quintal dos fundos da casa deles. Logo, a polícia descobre que os cadáveres pertecem aos pais de Susan, e ela e o marido se tornam obviamente os principais suspeitos do crime. Durante as investigações, o casal precisará se desdobrar para explicar como os pais dela morreram e acabaram enterrados no jardim dos fundos.

A FILHA PERDIDA (2021)

No mais recente e ovacionado filme da Netflix, Leda (Colman) é uma mulher que viaja de férias ao litoral e fica obcecada com uma jovem mãe (Dakota Johnson) e sua filha quando as observa na praia. Enervada por seu envolvente relacionamento (e sua família estridente e ameaçadora), Leda fica sobrecarregada pelas próprias memórias de terror, confusão e intensidade da maternidade. Um ato impulsivo faz com ela mergulhe no estranho e sinistro mundo da própria mente, onde é forçada a encarar as escolhas nada convencionais que fez quando mais jovem – e suas consequências.

COMENTÁRIOS

Não deixe de assistir: