Como os principais personagens de ‘300‘ (2006) haviam morrido na batalha contra o exército de Xerxes (Rodrigo Santoro), parecia improvável que a adaptação ganharia uma sequência.

No entanto, o longa orçado em US$ 65 milhões arrecadou incríveis US$ 456 milhões, o que motivou a Warner Bros a investir na continuação, dirigida por Noam Murro em 2014.

Com um orçamento de US$ 110 milhões, a sequência arrecadou menos que o primeiro: apenas US$ 337,6 milhões pelo mundo.

Mesmo assim, a intenção do co-roteirista e produtor Zack Snyder, que também dirigiu o primeiro filme, era fazer uma trilogia.



No entanto, o estúdio vetou a ideia.

“Eu simplesmente não consegui convencer o estúdio a seguir em frente com o projeto. Eu tinha um acordo com a Warner Bros. e até escrevi o que seria essencialmente o capítulo final para a trilogia ‘300‘, que seria um grande épico de romance gay”, revelou Snyder ao Comic Book.

Aproveite para assistir:

O cineasta revelou que os executivos da Warner não gostaram de sua ideia porque fugiu da proposta dos primeiros filmes.

“Quando me sentei para escrever o terceiro filme, eu percebi que era algo diferente. Eu estava escrevendo uma história sobre Alexandre, o Grande e sua com Heféstio. Acabou sendo uma história de amor que não se encaixava com os outros filmes. Seria intitulado ‘300: Blood and Ashes‘ (Sangue e Cinzas), e seria uma linda história de amor gay, juntamente com a guerra. Eu adoraria fazer isso. Mas me disseram NÃO. você sabe, os caras da Warner não são meus grandes fãs. Essa é a verdade.”



Lembrando que ‘300‘ e ‘300: A Ascensão do Império‘ continuam disponíveis no catálogo da Netflix.

O longa original é um relato sangrento da Batalha das Termópilas, da Antiguidade, na qual o Rei Leônidas (Gerard Butler) e mais 299 espartanos (300, no total) lutaram contra Xerxes (Rodrigo Santoro) e seu numeroso exército persa. Enfrentando dificuldades insuperáveis, o sacrifí­cio desses homens levou toda a Grécia a se unir contra o inimigo persa, traçando um marco no caminho para a democracia.

A produção foi inspirada na obra de Frank Miller, criador da graphic novel ‘Sin City‘.

Assista ao trailer:

Comentários

Não deixe de assistir: