Mesclando blockbusters com filmes independentes, Kristen Stewart é uma atriz em grande desenvolvimento que só melhora em cada nova produção que faz parte. Ao longo de sua carreira a artista teve papéis emblemáticos, como o de Bella Swan na Saga Crepúsculo, e atuações contestáveis em outros filmes dessa jovem atriz que já foi a artista de cinema mais bem paga do mundo no ano de 2012.

Abaixo, vamos tentar provar para você leitor (a) alguns motivos que nos levam a acreditar que ela será uma vencedora do Oscar muito em breve:

 



Dedicação desde os primeiros anos

Aproveite para assistir:

Filha de um produtor de televisão e uma supervisora ​​de roteiro e cineasta, Kristen Stewart cresceu no Vale de San Fernando, em Los Angeles. Ela se apaixonou por cinema desde muito cedo, aproveitando as ótimas referências que tinha dos pais que de alguma forma já estavam próximos da indústria cinematográfica. Assim, ainda na escola, ela começou a frequentar cursos de interpretação e deu o start em sua carreira aos oito anos, depois que um agente a viu atuar na peça de Natal de sua escola primária. Aos 12 anos, conseguiu seu primeiro grande papel de destaque no longa-metragem dirigido por David Fincher, O Quarto do Pânico.

 



Já teve um grande sucesso na carreira

Em 2008 ela faria uma saga que a colocaria entre os nomes mais badalados da indústria cinematográfica, por seu papel como Bella Swan na série de filmes da Saga Crepúsculo, Kristen Stewart alcançou o estrelato e um público fiel que a segue até hoje.

 

A busca por desafiantes projetos



Depois de Crepúsculo, Kristen Stewart buscou papéis desafiadores, alguns independentes, para seu futuro, entrando em produções como: Marcados Pela Guerra (2014) onde interpreta uma jovem decide se alistar no exército, na esperança de ser mandada para o Iraque, onde entraria em contato com uma nova cultura; Acima das Nuvens (2014) onde contracena com com Juliette Binoche e dirigida pelo aclamado cineasta Olivier Assayas, papel que lhe rendeu um César (Oscar Francês) de Atriz Coadjuvante; Trabalhou com Woody Allen em Café Society em 2016. Assim, foi trilhando uma trajetória de cada vez mais projetos interessantes.

 

Já trabalhou com excelentes cineastas



Além dos já citados Olivier Assayas, Woody Allen e David Fincher, Kristen trabalhou com o vencedor do Oscar Ang Lee no filme A Longa Caminhada de Billy Lynn (2016), com a cineasta Kelly Reichardt (diretora do aclamado First Cow – A Primeira Vaca da América) no filme Certas Mulheres (2016) e com o brasileiro Walter Salles no filme Na Estrada (On the Road). Seu próximo filme, Crimes of the Future, que ainda está em fase de pós-produção, vai trabalhar com o cineasta canadense David Cronenberg.

 

Sua atuação em Spencer

Quando foi anunciada como intérprete da Princesa Diana no filme Spencer, Stewart já sabia que esse poderia ser o papel de sua vida. Dirigido pelo cineasta chileno Pablo Larraín, com roteiro escrito por Steven Knight (roteirista de Peaky Blidners), o filme, que estreia no brasil dia 27 de janeiro, está sendo aclamado por onde passa com inúmeros elogios à atuação de Kristen Stewart. Esse filme deve lhe render sua primeira indicação ao Oscar de Melhor Atriz com chances até de levar o prêmio.



Não deixe de assistir: