Shang-Chi e a Lenda dos Dez Anéis‘ finalmente apresentou o verdadeiro Mandarim, 8 anos depois que a Marvel lançou o falso vilão em ‘Homem de Ferro 3‘.

No filme, Trevor Slattery foi contratado para fingir ser o líder dos Dez Anéis, a mesma organização que sequestrou Tony Stark no primeiro filme do ‘Homem de Ferro‘.

Agora, uma cena excluída confirma que Wenwu era o verdadeiro líder da organização e ligação direta entre o personagem e os homens que fizeram Tony como refém.

A cena deletada não está entre os recursos disponíveis no Disney+ e se chama “Do it Yourself“. Ela se passa logo após a morte de Ying Li, esposa de Wenwu. Após o assassinato de Ying Li, Wenwu retorna aos Dez Anéis e retoma o controle de seu império criminoso ao redor do globo, após ter desistido quando começou uma família.



Na cena, vemos Wenwu voltando para sua mansão e conversando com um líder da Gangue de Ferro capturado. Ele explicou que esteve no Afeganistão se reunindo com Raza, o líder da operação Dez Anéis no país, e que está feliz com o progresso que estão fazendo na desestabilização da nação.

Se você se lembra, Raza é o nome do líder dos Dez Anéis em ‘Homem de Ferro‘, que estava no comando da missão quando Tony Stark foi capturado pela organização terrorista. Wenwu não especifica nesta nova cena se ele foi ou não diretamente responsável pelo ataque ao comboio de Tony, mas ele estava de fato supervisionando a atividade daquela célula particular dos Dez Anéis. Isso liga Wenwu quase diretamente aos eventos do filme Homem de Ferro original.

Aproveite para assistir:

Assista as cenas deletadas do filme:



Shang-Chi e a Lenda dos Dez Anéis‘ se tornou a maior bilheteria dos EUA na era pandêmica e arrecadou US$ 430.5 milhões mundialmente.

Ou seja, a sequência é certa.

O diretor Destin Daniel Cretton revelou que está empolgado com o futuro do personagem na telonas. Em uma recente entrevista ao Screen Rant, ele ponderou sobre o seu desejo de expandir os arcos de todos os personagens, planejando novas histórias que ainda incluam a interação com outros heróis já estabelecidos no MCU.

“Acho que, no final deste filme, há algumas setas bem claras apontando nas direções para as quais adoraríamos levar o personagem – e não apenas Shang-Chi, mas estou muito animado para ver todos esses personagens começarem a interagir com os outros membros do MCU e ir a lugares que não visitamos ainda. Estamos todos muito entusiasmados com as portas que se abriram por causa deste filme”. 

Confira a nossa crítica:

Crítica | Shang-Chi – Marvel acerta novamente com filme envolvente, emocionante e com cenas de ação IMPRESSIONANTES



Dirigido por Destin Daniel Cretton, o filme também conta com Awkwafina, Tony Chiu-Wai Leung, Michelle Yeoh, Florian Munteanu, Fala Chen e Ronny Chieng.

Shang-Chi é o filho de um globalista com base na China que criou e educou o descendente dele em um recluso complexo chinês, treinando artes marciais e adquirindo habilidades insuperáveis. Quando ele tem a chance de entrar em contato com o resto do mundo, logo percebe que seu pai não é o humanitário que dizia ser, vendo-se obrigado a se rebelar.

COMENTÁRIOS

Não deixe de assistir: