A sequência ‘O Massacre da Serra Elétrica: O Retorno de Leatherface‘ finalmente foi lançada no streaming da Netflix e o editor-chefe traz a crítica em vídeo.

Apesar de ter várias cenas ótimas e muito gore, o filme traz um roteiro risível com personagens rasos.

Assista a crítica e siga o CinePOP no YouTube:


Gostou da crítica? Siga o Renato Marafon no Instagram! 

O Massacre da Serra Elétrica | Entenda a COMPLICADA Cronologia da Franquia de Terror – Incluindo o novo filme da Netflix

Aproveite para assistir:



Dirigido por David Blue Garcia (‘Tejano’), o longa é produzido por Fede Álvarez, diretor de ‘A Morte do Demônio‘ e ‘O Homem nas Trevas.

Depois de quase 50 anos escondido, Leatherface retorna para aterrorizar um grupo de jovens amigos idealistas que acidentalmente perturbam seu mundo cuidadosamente protegido em uma remota cidade do Texas.

Melody (Sarah Yarkin), sua irmã adolescente Lila (Elsie Fisher), e seus amigos Dante (Jacob Latimore) e Ruth (Nell Hudson), vão até uma remota cidade do Texas para iniciar um novo empreendimento comercial. Mas o sonho logo se transforma em um pesadelo quando eles acidentalmente perturbam a casa de Leatherface, o assassino em série enlouquecido cujo legado encharcado de sangue continua a assombrar os residentes da área – incluindo Sally Hardesty (Olwen Fouéré), a única sobrevivente de seu infame massacre de 1973, que está em busca de vingança.


O elenco conta com Elsie Fisher (‘Oitava Série’), Sarah Yarkin (‘A Morte te Dá Parabéns 2’), Jacob Latimore (‘Maze Runner: Correr ou Morrer’) e Moe Dunford (‘Vikings’).

Mark Burnham (‘Lowlife’) interpretará o novo Leatherface.


Não deixe de assistir: