Diretor revela as dificuldades de adaptar ‘Doutor Sono’ e manter continuidade com ‘O Iluminado’

Diretor revela as dificuldades de adaptar ‘Doutor Sono’ e manter continuidade com ‘O Iluminado’



Em entrevista ao Bloody Disgusting, o diretor Mike Flanagan revelou as dificuldades de adaptar ‘Doutor Sono‘ da forma mais fiel possível e, ainda assim, incorporar os elementos de ‘O Iluminado‘, do Stanley Kubrick, que alterou diversos pontos da trama principal.

“Eu acho que a marreta é mais perturbadora. Há a ideia do seu crânio abrir igual uma uva com uma pancada da marreta. Mas o machado é icônico. Além disso, eu sempre achei o labirinto de cerca viva mais cinematográfico. Uma topiária precisaria ser feita digitalmente. Eu não queria me apoiar em CGI. Eu amo o labirinto. No livro, a topiária é impressionante, mas não seria prático de filmar.”

Ele afirma que o seu maior desafio foi o número do quarto mais assombrado do hotel. No livro, o quarto é o 217, mas no filme foi alterado para o 237, pois o hotel no qual a produção foi filmada não queria essa associação com o número de um quarto já existente.

“Isso foi um grande problema para nós! Inicialmente, eu encontrei uma forma de não precisar me comprometer, pois o hotel estava condenado, então e se o número do meio tivesse caído com o passar das décadas e só restasse 2 – espaço – 7? O público poderia escolher sua própria interpretação. Eu me senti um gênio, mas esqueci que nós tínhamos que fazer os flashbacks, e acabou ficando bastante claro que tínhamos que escolher um lado. E, como estávamos reconhecendo a existência do filme do Kubrick, precisava ser o quarto 237.”

Recentemente, o CinePOP viajou até Denver, no Colorado, para entrevistar a novata Kyliegh Curran.

No vídeo, ela revela como conseguiu o papel de destaque em ‘Doutor Sono‘, e também nos conta se ela acredita em espíritos e entidades.

Assista a entrevista:

Crítica | Doutor Sono agradará em cheio aos fãs de ‘O Iluminado’, tanto do livro quanto do filme

A “continuação” de ‘O Iluminado‘ é dirigida por Mike Flanagan – que tem no currículo ‘O Espelho‘, ‘A Maldição da Residência Hill‘, ‘Ouija: Origem do Mal‘ e ‘Antes que Eu Vá‘.

Na infância, Danny Torrance conseguiu sobreviver a uma tentativa de homicídio por parte do pai, um escritor perturbado por espíritos malignos, tornado-se um adulto igualmente traumatizado e alcoólatra. Sem residência fixa, ele se estabelece em uma pequena cidade, onde consegue um emprego no hospício local e cria um vínculo telepático com uma menina, paciente da instituição.

O elenco inclui Ewan McGregor, Rebecca Ferguson, Jocelin DonahueZahn McClarnon, Emily Alyn Lind e Jacob Tremblay.

O longa já está em exibição nos cinemas nacionais!

COMENTÁRIOS