Com o avanço do universo quase que dominador dos streamings gringos que vem a cada semana com mais conteúdos fantásticos para consumirmos em nossas casas, alguns dos diferenciais para esses seriam produtos pouco explorados ainda, mais precisamente, por exemplo, alguns remakes de sucesso por aqui. Pensando e praticamente passando dias exercitando um curioso cenário: se uma telenovela brasileira de sucesso virasse um produto norte-americano e jogado em forma de capítulos e temporadas no mundo dos streamings, quem seriam seus intérpretes? Quem seria seu ou sua Showrunner? Assim, nasceu essa matéria, para alguns quase inacreditável mas para quem vos escreve uma verdadeira aventura criativa.

Exibida pela primeira vez em 2014 e ganhadora do Emmy Internacional, a telenovela Império é um dos grandes sucessos recentes da televisão brasileira. Escrita por Aguinaldo Silva, com colaboração de outros roteiristas, Império foi um arrebatador sucesso de crítica e público, inclusive sendo escolhida para ganhar uma versão compacta (no ar na época que esse texto está sendo escrito) durante o período da pandemia, sendo novamente exibida.

Esse estrondoso sucesso conta pra gente a saga de José Alfredo, um pernambucano que vai morar no Rio de Janeiro na década de 80 e se apaixona pela sua cunhada. Após muitos desencontros para viverem esse amor proibido, o protagonista foge sem rumo e inusitadamente, ainda muito triste por não conseguir viver pra sempre com seu grande amor, encontra em uma rodoviária o homem que mudaria sua vida, Sebastião Feliciano. Os anos se passam e José Alfredo está casado com Maria Marta e juntos montam um Império que nasceu de pedras preciosas. O casal tem filhos mas ao longo dos anos vai se distanciando. A novela mostra tudo o que acontece na vida do agora empresário, suas novas paixões, suas lutas, suas crenças, seus embates com os filhos e as surpresas que o perseguem pelo caminho.

Agora chegamos na parte que todos esperavam, quem seriam os novos intérpretes num provável (ou improvável) remake dessa novela em forma de seriado em um streaming gringo. Observação: Como é uma novela com muitos personagens, colocamos abaixo as sugestões para alguns personagens do núcleo principal.



Nosso exercício começa no chefão ou chefona da série, o famoso cargo de Showrunner, aquele ou aquela que cuidam de tudo na produção.

A escolha certa seria: Shonda Rhimes

Aproveite para assistir:

A roteirista, cineasta e produtora de televisão norte-americana Shonda Rhimes, de 51 anos, mudou a cara da televisão norte-americana. Seu nome é tão famoso quanto os dos artistas que frequentam suas produções. Simplesmente a criadora de três seriados fantásticos: Grey’s Anatomy, Scandal, How To Get Away With Murder. Alguém duvida que daria super certo sendo a showrunner do remake de Império?

 



José Alfredo (Comendador)

O protagonista, conhecido também como Comendador. O personagem por onde toda a trama passa. Enigmático, cheio de manias, com um humor que varia muito. Sofreu bastante por amor e decidiu largar o passado e viver o presente mas nunca seu destino o deixou fazer completamente isso. Busca soluções para os obstáculos armados por seus inimigos, até mesmo de pessoas de dentro da própria família. Na novela original, é interpretado por Chay Suede (no passado) e Alexandre Nero (no presente).

A escolha certa para essas interpretações em nosso remake seriam: Noah Centineo (no passado) e Nicolas Cage (no presente).

O primeiro é um jovem ator conhecido por seu papel na série de filmes Para Todos os Garotos que Já Amei. Teria um grande desafio interpretar um papel que fora de Chay Suede na produção original. O segundo, é sobrinho de Francis Ford Coppola, ganhador de Oscar por sua genial atuação em Despedida em Las Vegas (1995) e sempre gostou de papéis complicados na carreira. O comendador seria um grande desafio e com certeza iria ter uma vaga nos concorrentes aos principais prêmios das séries norte-americanas.

 

Maria Marta



A mulher que se José Alfredo não tivesse encontrado fora do Brasil, dificilmente conseguiria levantar o Império que é dono. De personalidade forte, a ambição sempre foi a marca dessa grande estrategista e mãe de quase todos os filhos de José Alfredo. Na novela original, é interpretada por Adriana Birolli (no passado) e Lilia Cabral (no presente).

A escolha certa para essas interpretações em nosso remake seriam: Megan Fox (no passado) e Cate Blanchett (no presente).

A primeira é uma atriz que teve a decolagem em sua carreira no filme Transformers, em busca de algum outro grande papel, esse poderia ser um dos mais desafiantes. A segunda, é uma atriz australiana fabulosa, conhecida mundialmente, ganhadora do Oscar, que já interpretou muitos tipos de papéis na carreira.

 


Maria Clara

Filho preferida de José Alfredo, é uma grande sonhadora que namorava um dono de restaurante mesmo sem não gostar tanto dele. Conhece um outro homem e sua vida muda, juntamente com a chegada de uma filha desconhecida de seu pai à família. Inclusive essa nova filha é apaixonada pelo homem por quem ela se apaixona. Na novela original, é interpretada por Andreia Horta.

A escolha certa para essa interpretação em nosso remake seria: Leighton Meester.

Atriz, modelo, cantora norte-americana, ficou conhecida por seu papel de Blair Waldorf no seriado de sucesso Gossip Girl. Já esteve presente em mais de 45 produções durante toda sua carreira entre filmes e participações em seriados.

 

Maria Isis

Um dos grandes amores da vida do Comendador. A jovem, que ama de verdade seu namorado, sustenta o pai e a mãe, dois trambiqueiros que só querem saber de dinheiro. Isis passará por situações constrangedoras quando a família do Comendador descobre sua existência. Na novela original, é interpretada por Marina Ruy Barbosa.

A escolha certa para essa interpretação em nosso remake seria: Deborah Ann Woll.

Atriz nova-iorquina com passagens pelos seriados True Blood e Demolidor, seria uma escolhida certeira para esse papel tão importante na trama.

 

Cora

Talvez a grande vilã (ao lado de Maria Marta) de toda a novela. Uma mulher amargurada, invejosa que fez de tudo para influenciar decisões de muitos personagens da trama, mexendo e remexendo essa história, seja no passado ou no presente. É tia de Cristina, a filha desconhecida do Comendador. Na novela original, é interpretada por Marjorie Estiano (no passado) e Drica Moraes (no presente).

A escolha certa para essas interpretações em nosso remake seriam: Emmy Rossum (no passado) e Mary-Louise Parker (no presente).

A primeira é uma atriz nova-iorquina de 35 anos, já com bastante experiência no universo das séries e filmes. Inclusive, em 1997, fez sua estreia na televisão na novela As The World Turns. Seria uma ótima jovem Cora. Já a segunda, uma atriz muito experiente com várias décadas e ótimos trabalhos na televisão e no cinema. No mundo das séries, protagonizou a ótima Weeds, do canal showtime. Venceria prêmios nesse papel, com certeza!

 

Cristina

Uma das personagens mais fortes e corajosas de toda a novela. Com um enorme coração, foi criada pela mãe e pela tia em Santa Teresa, bairro do Rio de Janeiro. No presente, descobre que pode ser filha de um empresário milionário, José Alfredo, e com a ajuda (ou não) de Cora, sua tia, busca explicações sobre esse suposto pai. Na novela original, é interpretada por Leandra Leal.

A escolha certa para essa interpretação em nosso remake seria: Kat Dennings.

A atriz norte-americana que participou do sitcom 2 Broke Girls, do excelente Nick & Norah: Uma Noite de Amor e Música e de alguns filmes e séries do universo da Marvel, seria uma escolha perfeita para o papel. Um grande desafio para a carreira dessa jovem atriz.

 

José Pedro

Um dos vilões da novela. Odeia seu pai (o Comendador) com todas as forças. É o preferido da mãe. Inescrupuloso, maldoso, cria mil e umas artimanhas para afastar o pai da direção da empresa da família. Será o responsável por terríveis barbaridades ao longo dos episódios. Na novela original, é interpretado por Caio Blat.

A escolha certa para essa interpretação em nosso remake seria: Jaime Lorente.

O ator espanhol, rosto conhecido por seu emblemático personagem em La Casa De Papel, seria perfeito para esse papel bastante complicado de vilão.

 

Sebastião Feliciano

O homem que mudou a vida do Comendador. Faz uma rápida aparição na novela, na primeira fase, mas muda pra sempre os rumos dessa história. Na novela original, é interpretado por Reginaldo Faria.

A escolha certa para essa interpretação em nosso remake seria: Timothy Dalton.

O ator que nasceu no País de Gales, já foi 007! Aos 75 anos, seu último trabalho na televisão foi no seriado Patrulha do Destino. Para uma participação especial como essa, seria excelente.

 

Téo Pereira

O blogueiro fofoqueiro bastante lido na história. Consegue derrubar reputações e mexer com as histórias de alguns dos personagens. Na novela original, é interpretado por Paulo Betti.

A escolha certa para essa interpretação em nosso remake seria: Michael Emerson.

O ator de 66 anos, que ficou conhecido mundialmente pelo seu enigmático personagem no seriado Lost, seria um excelente Téo Pereira e poderia mostrar toda sua versatilidade como artista.

 

João Lucas

Um dos filhos do Comendador e de Maria Marta, o caçula. Talvez o mais esquecido filho, e também o mais inconsequente deles. Parece sem destino e busca seu espaço na atenção de seus pais. Na novela original, é interpretado por Daniel Rocha.

A escolha certa para essa interpretação em nosso remake seria: Darren Criss.

O jovem ator californiano de 34 anos, ganhador do globo de ouro pela sua interpretação em The Assassination of Gianni Versace: American Crime Story, participou também do mega sucesso Glee. João Lucas seria um personagem desafiante para ele!

 

Silviano

É o fiel mordomo de Maria Marta. Guarda talvez o maior segredo da novela que vai sendo revelado aos poucos. Na novela original, é interpretado por Othon Bastos.

A escolha certa para essa interpretação em nosso remake seria: Michael Caine.

O veterano ator britânico que serviu ao Exército de seu país na Guerra da Coreia, nos anos cinquenta, é ganhador de Oscar e realizou inúmeros trabalhos inesquecíveis nas memórias dos cinéfilos de todo o mundo. Seria um ótimo Silviano!

 

Se essa matéria for muito acessada, iremos fazer o mesmo exercício pra outras novelas famosas. Comentem! Gostaram? Concordam?

 

COMENTÁRIOS

Não deixe de assistir: