Quando foi anunciado o especial ‘Harry Potter: De Volta à Hogwarts‘ na HBO Max, muitos fãs estranharam porque J.K. Rowling, criadora da saga, não iria participar da produção.

Muitos acreditaram que ela não havia sido convidada por conta das controvérsias nas quais ela publicou comentários transfóbicos em suas redes sociais.

Crítica | Harry Potter: De Volta a Hogwarts – Episódio com REUNIÃO do Elenco é Emocionante e Nostálgico

No entanto, a Entertainment Weekly divulgou que a própria escritora recusou o convite para se juntar ao elenco em comemoração aos 20 anos de lançamento de ‘Harry Potter e a Pedra Filosofal‘.



Foi dito que Rowling decidiu se ausentar após um conselho de sua equipe de relações públicas, cujos membros determinaram que as antigas entrevistas da autora já seriam o bastante para o especial.

Por conta disso, ela vai aparecer somente por meio de imagens de arquivo à partir de uma entrevista que ela deu em 2019.

Aproveite para assistir:

Fontes próximas à autora disseram ao portal que seus comentários ofensivos sobre pessoas transgênero não tiveram influência na decisão da equipe.

De qualquer forma, Rowling continua sendo uma figura polêmica.



Para quem não está por dentro, ela afirmou no passado que não é transfóbica e expressou “vidas trans são importantes” e “direitos trans são direitos humanos”, mas ainda assim incentivou a ideologia de que mulheres trans não são mulheres e não merecem os mesmos direitos do gênero feminino.

Depois disso, diversas organizações LGBTQ condenaram sua posição e vários atores que atuaram em ‘Harry Potter‘, incluindo Daniel Radcliffe, Emma Watson e Eddie Redmayne (‘Animais Fantásticos’) apoiaram a comunidade trans.

O especial já foi lançado no HBO Max e mostrar Daniel Radcliffe, Rupert Grint e Emma Watson junto com o diretor Chris Columbus e outros membros do elenco enquanto viajam de volta para Hogwarts pela primeira vez desde ‘Harry Potter e as Relíquias da Morte: Parte 2′.

Confira e siga o CinePOP no YouTube:

COMENTÁRIOS

Não deixe de assistir: