O astro Ray Fisher voltou a falar abertamente sobre a sua experiência de trabalho com o diretor Joss Whedon nos bastidores de ‘Liga da Justiça‘.

Em um recente vídeo, o intérprete do Ciborgue comentou sobre o comportamento profissional do cineasta, pontuando claramente que Whedon entrou no projeto trazendo muitos ressentimentos do seu passado, mais especificamente do seu tempo trabalhando em ‘Vingadores: A Era de Ultron‘.

Fisher ainda salientou que chegou a confrontá-lo por sua postura, afirmando se tratar de um “golpe de ego”:

“Joss trouxe muito dos seus ressentimentos pessoais e profissionais para o processo de Liga da Justiça. Uma das coisas que ele me disse na nossa primeira conversa foi que as pessoas não entenderam A Era de Ultron. Algumas coisas foram ditas naquela conversa, em que eu falei: ‘Ah, então isso se trata menos do trabalho que está sendo apresentado e mais de um golpe de ego’. Algo no sentido de: ‘Se você gostou disso nesse filme, você deveria ter gostado disso naquele filme. Hahaha, você virou uma piada’, entende? Era tudo uma questão criativa, sabe? Não tinha nada realmente a ver com a questão do ódio”.



Assista ao instante em que Fisher fala sobre o assunto:

Entenda o caso

No início deste ano, Ray Fisher, intérprete do Ciborgue em ‘Liga da Justiça‘, acusou o diretor Joss Whedon de comportamento grosseiro, abusivo e não profissional nos bastidores da adaptação, o que levou a uma investigação interna.

Desde então, o único que havia confirmado as acusações de Fisher foi Jason Momoa, o Aquaman. No entanto, Gal Gadot finalmente se pronunciou sobre a relação com o cineasta enquanto gravava o longa.



Em entrevista para o LA Times, a intérprete de Diana Prince/Mulher-Maravilha foi questionada sobre as alegações do colega de elenco e disse o seguinte:

“Estou feliz por Ray expor a situação e falar sua verdade. Eu não estava lá quando eles filmou com Joss Whedon… Tive minhas próprias experiência com ele [Whedon], e não foi a melhor, mas fiz questão de resolver tudo quando aconteceu. Levei para os superiores e eles cuidaram disso. Mas estou muito feliz por Ray divulgar tudo o que aconteceu com ele.”

Além disso, Gadot já havia dito à Variety que fez questão de testemunhar durante a investigação da WarnerMedia para apurar os fatos sobre a má conduta nos bastidores, que levou ao encerramento da parceria entre Whedon e a HBO.

Aproveite para assistir:



Por conta disso, ele foi dispensado da direção nova série da HBO Max, intitulada ‘The Nevers‘. A informação foi confirmada pela própria emissora, por meio de um comunicado oficial.

Na ocasião, a HBO pontuou que “nós rompemos com Joss Whedon. Continuamos empolgados com o futuro de The Nevers e estamos ansiosos com a sua estreia no verão de 2021″.

Sobre The Nevers

Além de Laura Donnelly, que foi contratada como protagonista da produção, o elenco será composto também por Olivia Williams, James NortonTom RileyAnn SkellyBen ChaplinPip TorrensZachary MomohAmy MansonNick FrostRochelle Neil, Eleanos TomlinsonDenis O’Hare.

O drama foi encomendado em julho de 2018 e é descrito como um épico sci-fi que gira em torno de uma gangue de mulheres vitorianas que descobrem ter habilidades especiais, inimigos impetuosos e uma missão que pode mudar o mundo que conhecem.



Donnelly será Amalia True, a heroína mais impulsiva e “imparável” de sua época, encarada como uma ameaça iminente para a sociedade vitoriana. Amalia morreria para defender seus preceitos – e também por uma bebida.

A atriz é conhecida por seu papel como Jenny Fraser na aclamada série da StarzOutlander. Sua filmografia também inclui shows como The FallMerlin. Donnelly também aparecerá na cinebiografia Tolkien, ao lado de Nicholas Hoult.

Por enquanto, ainda não há previsão de estreia para The Nevers.

Comentários

Não deixe de assistir:

🚨 INSCREVA-SE NO NOSSO CANAL DO YOUTUBE 🚨http://bit.ly/CinePOP_Inscreva