A aclamada cinebiografia Judas e o Messias Negro‘, vencedora de duas estatuetas do Oscar, já está disponível na HBO Max. A produção teve a sua estreia nesta sexta-feira (30) na grade de programação.

Lançado no Festival de Sundance 2021, a produção é estrelada por Kaluuya (‘Corra!’, ‘Pantera Negra‘), que foi agraciado com o Oscar de Melhor Ator Coadjuvante por sua surpreendente performance do líder dos Panteras Negras.

A trama acompanha a história de Fred Hampton, um dos líderes do Partido dos Panteras Negras, que foi assassinado em 1969 sob as ordens do FBI, que coagiu um pequeno criminoso chamado William O’Neal para ajudá-los a silenciar Hampton.

Crítica | Judas e o Messias Negro – Poderosa cinebiografia sobre líder dos Panteras Negras com astro de ‘Corra!’



Assista ao trailer:

Aproveite para assistir:

O longa também conta com LaKeith Stanfield (‘Atlanta’, ‘Joias Brutas’) como William O’Neal, Dominique Fishback (‘Coração de Ferro‘) e Jesse Plemons (‘Breaking Bad‘).

Com a ajuda de um criminoso chamado William O’Neal, o FBI investe na tenativa de silenciar Hampton e o Partido dos Panteras Negras. Mas eles não conseguiram matar o legado de Fred Hampton. 50 anos depois, suas palavras ainda ecoam… Mais alto do que nunca.



Embora sua vida tenha sido interrompida, o impacto de Fred Hampton continuou a reverberar. O governo viu os Panteras Negras como uma ameaça militante ao status quo e vendeu essa mentira a um público assustado em um momento de crescente agitação civil. Mas a percepção dos Panteras não correspondia à realidade. Nas cidades do interior dos Estados Unidos, eles ofereciam café da manhã gratuito para crianças, serviços jurídicos, clínicas médicas e pesquisas sobre anemia falciforme e educação política. E foi o presidente Fred de Chicago que, reconhecendo o poder da unidade multicultural por uma causa comum, criou a Coalizão Arco-Íris – unindo forças com outros povos oprimidos da cidade para lutar por igualdade e empoderamento político.

Comentários

Não deixe de assistir: