Há dez anos, uma das franquias animadas mais conhecidas e adoradas de todos os tempos, ‘Kung Fu Panda’, ganhava sua primeira sequência.

Abrindo espaço para uma nova narrativa e muito mais diversão, Po e os outros guerreiros do Vale da Paz unem forças para enfrentar um inimigo chamado Lorde Chen, que possui uma arma secreta capaz de permitir a conquista da China e trazer o kung fu ao fim.

Tendo recepção sólida por parte da crítica mundial, o longa-metragem arrecadou nada menos que US$665 milhões ao redor do planeta, tornando-se a produção do gênero mais bem sucedida do ano e faturando uma indicação ao Oscar de Melhor Animação.

Para celebrar o décimo aniversário dessa icônica aventura (que ocorre no próximo dia 26 de maio), o CinePOP separou uma breve lista com dez curiosidades sobre a produção.



Confira:

CAI LI FO

Aproveite para assistir:

Lorde Shen (Gary Oldman) é versado em uma arte chamada cai li fo, uma luta marcial chinesa que utiliza, normalmente, um leque de metal para propósitos de distração e defesa. Entretanto, por ser um pavão, Shen utiliza as próprias penas para lutar.

LEALDADE INCONDICIONAL



O exército de lobos de Lorde Shen tem uma história muito mais profunda e adorável do que imaginamos: a mitologia do filme deixa claro que os lobos eram guardas reais do palácio e que Shen, como um jovem príncipe, era o único membro da família real a brincar com eles, alimentá-los e tratá-los com respeito – o que garantiu lealdade e devoção por parte deles.

BRILHO ETERNO DE UMA MENTE SEM KUNG FU

Segundo o The Hollywood Reporter, o aclamado e premiado roteirista Charlie Kaufman fez uma revisão do roteiro, que nunca foi creditada. Em diversas entrevistas, Kaufman comentara que assistiu ao primeiro longa-metragem com a filha e ficou impressionado pela história e pelos visuais.

SUCESSO TREMENDO

Como já comentado, o filme fez um estrondo gigantesco nas bilheterias mundiais e alcançou o patamar da produção de maior sucesso comandada por uma diretora (Jennifer Yuh Nelson). O recorde foi quebrado pelo bilionário ‘Frozen: Uma Aventura Congelante’, lançado dois anos mais tarde. Nelson também se tornou a primeira mulher a ser indicada ao Oscar de Melhor Animação desde Marjane Satrapi com ‘Persépolis’ (2007).

AH MAH

O papel da Adivinha durante o regime dos pavões não seria apenas um membro de confiança da família real, mas também a babá do jovem Shen. Com isso, seu nome foi revelado através de esboços iniciais como Ah Mah (que faz referência ao tratamento amah nas culturas asiáticas).



SIMPLES E PRÁTICO

Depois que o primeiro filme foi lançado, a DreamWorks Animation planejou um segundo longa-metragem com o subtítulo de ‘Pandamoneum’. Pouco depois, ele foi mudado para ‘The Kaboom of Doom’ antes de ser mudado simplesmente para Kung Fu Panda 2.

PRESENÇA DE PESO

O filme marcou a estreia do lendário ator e lutador Jean-Claude Van Damme no cenário da dublagem – e a única participação dele como voz de um personagem. Aqui, ele interpretou o divertido e habilidoso Mestre Croc. Uma das sequências na qual ele aparece (aproximadamente em 1h09min), inclusive, emula os movimentos do próprio Van Damme.

Comentários

Não deixe de assistir: