Warner Bros. anunciou recentemente que seu cronograma de lançamentos de 2021 passaria por uma profunda mudança: filmes como Invocação do Mal 3O Esquadrão SuicidaMulher-Maravilha 1984 seriam lançados simultaneamente no serviço de streaming da HBO Max e nos cinemas.

Mas parece que a decisão não agradou a todos.

Segundo o Deadline, a produtora Legendary Entertainment está contestando a decisão da distribuidora em lançar DunaGodzilla vs. Kong’, duas grandes peças cinematográficas do ano que vem, virtualmente. A companhia “já enviou ou irá enviar cartas para a Warner Bros. o mais breve possível”.

Os executivos da Legendary descobriram sobre essa política de lançamento, que segue os passos de Mulher-Maravilha 1984, apenas 30 minutos antes da declaração pública da Warner Bros. Conforme revelado no começo deste mês, a Legendary alegadamente colocou a Netflix como uma das parceiras em potencial para comprar Godzilla vs. Kong’ por US$250 milhões, mas a Warner bloqueou a decisão.



Deadline também acrescenta que a Legendary Entertainment e seus parceiros “proveram 75% do orçamento de US$165 milhões requeridos de Duna“, fornecendo uma “quantia similar de fomento ao filme Godzilla vs. Kong’“. Agora, os executivos da companhia estão preocupados se lançar ou não esses filmes em streaming irá machar a “viabilidade a longo-prazo das franquias”.

Godzilla vs. Kong’ é a quarta entrada do Universo Monstro da Legendary, seguindo GodzillaKong: Ilha da CaveiraGodzilla II: Rei dos Monstros’, e está agendado para lançamento no dia 21 de maio de 2021.

Duna, por sua vez, é a aguardada adaptação comandada por Denis Villeneuve que trará para as telas nomes como Timothée ChalametZendayaJason MomoaDave Bautista e outros. O filme tem estreia marcada para o dia 01 de outubro de 2021.

Comentários

Não deixe de assistir:

🚨 INSCREVA-SE NO NOSSO CANAL DO YOUTUBE 🚨http://bit.ly/CinePOP_Inscreva