Durante uma entrevista para a Entertainment Weekly, a diretora Sophia Takal comentou sobre sua visão para o novo remake de Natal Sangrento‘, o clássico de terror da década de 1970 que acompanha a luta de jovens mulheres tentando se livrar de um assassino.

Questionada sobre as diferenças entre sua versão e a original, Takal disse que o filme tem um ponto de vista mais pessoal e que não é uma cópia do primeiro, como foi o remake lançado em 2006.

“Meu filme é vagamente inspirado no original, e eu posso dizer que a narrativa é extremamente diferente. Eu diria que é mais inspirado pelo sentimento que o filme despertou do em mim enquanto eu assistia. A misoginia apresentada na trama sempre esteve por aí e nunca será totalmente extinta, então esse foi o ponto de partida para a minha versão.”

Takal também explicou que sempre ficou incomodada em como as mulheres são retratadas em estereótipos sem personalidade e inteligência em filmes do gênero, e pretende mudar isso.

“O Natal Sangrento‘ original parecia tão moderno para a época. Depois disso, a maiori desses filmes sobre irmandades mostram as mulheres como idiotas sem cérebro. O que eu amo no original é que as mulheres eram fortes, inteligentes e cheias de personalidade. Eu sempre quis fazer algo que trouxesse essa imagem de volta às mulheres… Minha versão nos faz pensar em como é ser uma mulher em 2019.”

De acordo com o Exhibitor Relations, o remake terá baixa classificação etária (PG-13), o que indica que o terror terá pouquíssimo sangue nas telonas e deve evitar linguagem inapropriada e cenas muito fortes.

É o primeiro filme de toda a franquia a ter baixa classificação, já que os dois anteriores foram restritos para maiores de idade.

Lembrando que o longa estreia nos cinemas nacionais em 12 de dezembro.

Aproveite para assistir:

Assiata ao trailer:

As alunas do Hawthorne College estão prestes a sair de férias… se conseguirem sair vivas dessa. Uma por uma, as meninas da irmandade no campus estão sendo mortas por um assassino mascarado desconhecido. Mas o assassino está prestes a descobrir que as jovens mulheres desta geração não estão dispostas a se tornar vítimas infelizes enquanto lutam até o fim.

O elenco inclui Imogen Poots (‘Sala Verde‘), Aleyse Shannon (‘Charmed‘), Brittany O’Grady (‘Star‘), Lily Donoghue (‘The Goldbergs‘), Cary Elwes (‘Jogos Mortais‘) e Caleb Eberhardt (‘O Coro da Broadway‘).