O cineasta James Wan se tornou uma figura fundamental para o renascimento do gênero de terror, com a franquia de ‘Jogos Mortais‘, ‘Invocação do Mal‘ e ‘Sobrenatural‘.

E agora apostando em uma perspectiva narrativa bem diferente, ele retorna para o gênero com ‘Maligno‘ (Malignant), um filme que celebra o terror italiano, à medida em que tenta resgatar um subgênero bem popular do auge dos anos 80 e 90.

E durante uma entrevista ao editor-chefe do CinePOP, Renato Marafon, Wan revelou quais foram suas principais referências para a construção do filme, salientando ainda o quanto o gênero Giallo foi fundamental para a sua formação como cineasta, bem como para a criação de todos os seus filmes.

“Eu sou fã de Giallo [gênero literário e cinematográfico italiano de suspense e romance policial] desde a minha adolescência e é muito evidente algumas referências a ele nos meus primeiros filmes. Honestamente, até quando eu estou fazendo um filme como ‘Aquaman‘, Mario Bava [diretor italiano do gênero Giallo] está na minha mente. Então isso está sempre em mim. Eu sempre brinco que você pode tirar o garoto do gênero de terror, mas não consegue tirar o gênero de terror do garoto. E esse é o caso aqui”.



Wan foi ainda mais além e ainda contou como ‘Maligno’ é o resultado de uma série de paixões bem específicas:

Aproveite para assistir:

“Eu não tive um único filme em particular que me influenciou, este aqui é um amálgama de tudo que eu amo. Eu não me refiro a Maligno como aquele que redefine o gênero, mas sim como aquele que mistura os gêneros e a minha cabeça, como sendo esse liquidificador que sempre misturou todas as coisas que amo, gerou esse ‘suco’ que é o filme. Eu sempre tiro minhas inspirações de vários lugares, como cineastas, livros, quadrinhos e outras fontes também”.

E embora o terror seja uma combinação entremeada de gêneros distintos e referências culturais bem dinâmicas, o cineasta revelou que um thriller em particular teve um destaque maior na construção da narrativa. Além disso, Wan ainda pontuou o quanto anseia em resgatar um subgênero que se perdeu ao longo das últimas décadas.



O thriller ‘Os Olhos de Laura Mars’ foi uma das principais referências de James Wan para ‘Maligno

Se eu tivesse que escolher um filme que foi usado como referência, se eu tivesse que reduzir a um único filme, eu provavelmente diria ‘Os Olhos de Laura Mars‘. Foi algo nesse sentido…No início dos anos 80 e 90 houve um curto período do gênero thriller em que o herói e a heroína viam as coisas pelo ponto de vista do assassino, como se de alguma forma eles estivessem conectados. Eu amo esse subgênero e eu acho que quase não vemos mais filmes assim. Na verdade, não há mais filmes assim e eu quero reviver esse subgênero. E Maligno toca nessa estrutura como parte de sua fundamentação narrativa, mas obviamente vai para um caminho completamente diferente”.

Confira o trailer legendado:

Lembrando que o filme estreia amanhã (9) nos cinemas nacionais.

Com roteiro de Wan, Ingrid Bisu e Akela Cooper, a história gira em torno de Madison (Annabelle Wallis), uma mulher que continua tendo visões terríveis de assassinatos que estão realmente acontecendo. Mais do que isso, tudo indica que os crimes foram cometidos por seu amigo imaginário de infância.

O terror irá se afastar da temática sobrenatural e dará lugar a uma trama de investigação e suspense, aos moldes do subgênero Giallo Film, que surgiram na Itália e serviram de modelo para slashers como ‘Pânico‘ e ‘Halloween‘.

O elenco ainda conta com Maddie HassonMckenna Grace, Jake AbelGeorge YoungIngrid BisuMichole Briana White e Jacqueline McKenzie.



Comentários

Não deixe de assistir: