Em entrevista ao ComicBook.com, os roteiristas Sarah SmithPeter Baynham, responsáveis pela adorável animação Ron Bugado da 20th Century Studios, revelaram que o longa-metragem pegou inspiração de um dos maiores clássicos de todos os tempos: a aventura ‘E.T. – O Extraterrestre’.

“Sim, ‘E.T.’ foi definitivamente uma influência”, Smith comentou. “Acho que há certas grandes histórias que indicam as histórias que serão envolventes para as crianças. A ideia de que você é mágico, a ideia de que você é, de alguma forma, especial, a ideia de ter um animalzinho de estimação, ‘Como Treinar o Seu Dragão’ é assim. E, de certa maneira, Ron Bugado é isso. ‘E.T.’ é isso. É uma daquelas poderosas fantasias que as crianças têm. Então há um eco de ‘E.T.’ e o senso de eles escaparem nesse cenário selvagem e se divertirem. É definitivamente importante”.

Baynham acrescentou: “acredito que foi, bom, nós crescemos com ‘E.T.’ e também no olhar do mundo. Porque, no começo, tínhamos certeza de que não queríamos que fosse apenas no futuro, não um mundo teorético em que as coisas simplesmente acontecem, então isso significou que queríamos limitar o B-bot e fazer questão de que eles não fossem muito chiques ou imaginativos, mas também o olhar de onde Barney vivia… Eu moro nos EUA, mas adoro o subúrbio americano, que eu acho idílico”.

Lembrando que a animação já está sendo exibida nas salas de cinema nacionais.



No Rotten Tomatoes, o longa conquistou 81% de aprovação, com nota 6.60/10 baseada em 19 reviews até o momento. Apesar de apontarem o ritmo incerto da produção, os especalistas elogiaram o tom leve e bastante family friendly da narrativa.

Confira os principais comentários:

Aproveite para assistir:

“Desequilibrado, mas divertido” – Variety.

“Um [filme] para toda a família – mas coloquem seus celulares de lado primeiro” – Deadline.



“Um conto familiar sobre catástrofe tecnológica, sagazmente equilibrando o caos de agradar às crianças com tiradas inteligentes” – The List.

“Assim como ‘A Família Mitchell e a Revolta das Máquinas’, as aventuras [do filme] transmitem um comentário leve sobre as belezas e os problemas da nossa saturada cultura tecnológica” – AV Club.

“Transcende a familiaridade da história com escrita sagaz, animação envolvente e um grande coração colocado em um robô com mal-funcionamento” – Screen International.

Sarah Smith, Jean-Philippe Vine e Octavio E. Rodriguez são responsáveis pela direção.

A história é centrada em um garoto de 11 anos chamado Barney que se torna amigo de um robô que não funciona totalmente bem – viajando a um mundo onde robôs que falam, andam e têm crianças como melhores amigos.

A produção conta com as vozes de Olivia Colman, Jack Dylan Grazer, Zach Galifianakis e Ed Helms.



Comentários

Não deixe de assistir: