No mais recente exemplar de Cutting Room Floor, o criador Robert Kirkman explicou o motivo de ter evitado usar o termo “zumbi” nos quadrinhos de ‘The Walking Dead‘, além de ter sido revelado por que a série NUNCA faz menção ao termo.

“Eu comecei os quadrinhos sem usar o termo “zumbi”. Eu basicamente o estava evitando. Acredito que o Glenn diz algumas vezes, mas foram apenas deslizes. Então, eu inventei a terminologia ‘espreitadores’ e ‘errantes’. No entanto, depois de um tempo, pareceu bobo ficar usando apenas esses termos. Então, conforme eu cresci, eu pensei: ‘Que se dane, eles são zumbis… vou fazer os personagens chamá-los de zumbis. Quem se importa?”

Anteriormente, o showrunner Frank Darabont havia revelado que não usava o termo “zumbis” na série: “Não queríamos usar o termo “zumbis” porque sentimos que ficção envolvendo zumbis não existe nesse universo. Para que a história funcionasse, não poderíamos ter personagens dizendo: ‘Você só precisa atirar na cabeça deles, como nos filmes do George A. Romero’. Então, você precisa imaginar que o universo criado pelo Romero não existe nesse mundo. É por isso que usamos o termo “errantes” na série.”

O ciclo final retornará com episódios inéditos no dia 20 de fevereiro – vale lembrar que os episódios são lançados uma semana antes no streaming da AMC+.



Ao total, a última temporada contará com 24 episódios, divididos em três partes.

Aproveite para assistir:

Criada por Frank Darabont, a série é baseada nos quadrinhos homônimos de Robert Kirkman.

A trama acompanha um grupo de sobreviventes em um mundo pós-apocalíptico que precisa não só enfrentar os mortos, como também os vivos.



O elenco conta com Norman Reedus, Melissa McBride, Lauren Cohan, Christian Serratos, Josh McDermitt, Seth Gilliam, Ross Marquand, Khary Payton, Cooper Andrews, Callan McAuliffe e Jeffrey Dean Morgan.

COMENTÁRIOS

Não deixe de assistir: