Village Roadshow, uma das produtoras responsáveis pela supervisão e pelo financiamento do recente Matrix Resurrections’, abriu um processo contra a Warner Bros. Pictures nesta segunda-feira (07) pelo fato do estúdio ter disponibilizado o longa-metragem na HBO Max (via Variety).

As informações indicam que a Village Roadshow alegou que a Warner sabotou a exibição do filme nos cinemas com o lançamento simultâneo apenas para atrair mais assinantes à plataforma de streaming.

A ação é decorrente da controversa decisão da Warner em lançar seu catálogo inteiro ao mesmo tempo nos cinemas e no serviço virtual, incluindo ‘Duna’‘O Esquadrão Suicida’‘King Richard: Criando Campeãs’. O estúdio, em consequência, foi obrigado a desembolsar milhões de dólares para compensar a perda de lucro que os outros participantes do contrato tiveram com a escolha.

A Village Roadshow é uma parceira de longa data da Warner Bros. e possui um contrato de co-financiamento que já incluiu títulos como ‘Coringa’, ‘Onze Homens e um Segredo’ e suas sequências, e a trilogia original de Matrix.


O processo alega que os executivos do estúdio não consultaram ou notificaram a Village Roadshow antes de optarem por disponibilizar Matrix Resurrections’ na HBO Max, além de declarar que a decisão ameaçou o futuro da franquia.

Aproveite para assistir:



“A estratégia da WB não apenas garantiu que [o filme] seria um fracasso de bilheteria, mas também infligiu danos severos para toda a franquia”, aponta a ação. “Não há dúvidas de que os números abismais de bilheteria de Matrix Resurrections’ diluem o valor da franquia, visto que a falta de lucro do filme impede que estúdios invistam em sequências adicionais e filmes derivados em um futuro próximo”.

A declaração também argumenta que o lançamento simultâneo facilitou a pirataria, algo que impactou na receita em potencial do longa-metragem, e que, em virtude dessa perda financeira, a Vilalge Roadshow não pôde cumprir com os pagamentos contratuais à Warner Bros., colocando a companhia em risco de perder os direitos ao filme.

Em contrarresposta, a Warner declarou que o processo é apenas uma tentativa falha da Village Roadshow em não cumprir com os termos do contrato que assinaram previamente:


“Esta é uma tentativa frívola da Village Roadshow de evitar o comprometimento contratual de participar da arbitragem que iniciamos contra eles na semana passada. Não temos dúvida de que este caso será resolvido a nosso favor”.

Leia o processo completo aqui!

Assista à nossa crítica do filme:

Matrix’ foi lançado em 1999 e aclamado pelo mundo por conta dos efeitos visuais pioneiros. O original ganhou quatro Oscars e arrecadou 463 milhões de dólares em todo o mundo.


Seguiram-se duas continuações, ‘Matrix: Reloaded’ e ‘Matrix: Revolutions’, ambas lançadas nos cinemas em 2003.

Ao todo, a trilogia arrecadou US$ 1.6 bilhão de dólares para a Warner Bros Pictures.

Não deixe de assistir: