'Viva – A Vida É Uma Festa' é lançado em poucas salas após exigência da Disney

COMPARTILHE!

A Disney e os exibidores brasileiros de cinema entraram em atrito com a chegada da nova animação da Pixar, 'Viva - A Vida É Uma Festa'.

A distribuidora da produção está exigindo 52% da bilheteria do longa, que chega aos cinemas nesta quinta-feira (04).

O tradicional percentual, equivalente a 50%, foi alterado mediante um comunicado emitido aos exibidores no final de dezembro de 2017 e a decisão já está gerando controvérsia e revolta, levando a um boicote por parte das empresas de cinema. Muitos donos de salas não vão exibir a animação com as novas condições.

Para se ter ideia, apenas 610 salas de cinema receberão 'Viva' nesta quinta-feira, contrapondo o alcance surpreendente de 'Jumanji: Bem-vindo à Selva', lançado em 950 salas.




De acordo com o Sindicato das Empresas Exibidoras Cinematográficas do Estado de São Paulo, a divisão de 50% tem se mantido há duas décadas e o aparente pequeno aumento dificulta a manutenção dos espaços e até mesmo sua sobrevivência.

A instituição pontua que os custos de um cinema cresceram significativamente com o avanço tecnológico, com a chegada do modelo digital, que naturalmente aumenta o consumo de energia. Além disso, o aluguel dos espaços - a maioria sendo em edifícios de terceiros - é outro fator determinante.

O sindicato ainda revela que o aumento prejudica o planejamento dos empresários e que a porcentagem pode desestabilizar o trabalho desenvolvido por eles, considerando que o mercado brasileiro é mais imprevisível e que a tributação é alta. Isso resultaria em uma margem de lucro bem inferior.

Com o aumento do lucro da Disney para 52%, as únicas redes que estão confirmadas para a exibição do filme são as multinacionais, que já possuem acordos globais com o estúdios. As empresas nacionais, que correspondem a 65% no país, não garantiram o mesmo.

A baixa na distribuição da animação pode prejudicar a bilheteria mundial da produção da Pixar, considerando que o Brasil é um dos mercados expoentes, capaz de alavancar a popularidade de um filme (assim como fez com 'Liga da Justiça').

Até o momento, 'Viva' faturou R$ 500 milhões ao redor do mundo, com vários países além do Brasil a ser lançado, como Reino Unido, Japão, Coreia do Sul e Argentina.





Inscreva-se em nosso canal e receba conteúdo exclusivo » https://goo.gl/mPcJ5c