Ele está de volta! Depois do estrondoso sucesso da primeira temporada de ‘Próxima Parada’, Whindersson Nunes até planejou, mas teve que esperar mais de duzentos dias para conseguir gravar a continuação do seu programa por conta da pandemia do corona vírus. Mas nem o coronga foi capaz de segurar o youtuber mais famoso do Brasil, e a nova temporada de ‘Próxima Parada’ acaba de chegar ao Youtube Originals – e chegou quebrando a internet! Eis os motivos pelos quais você deve assistir:

8 – Protocolos de segurança

Whindersson Nunes e sua equipe esperaram até que fosse liberado as viagens internas no Brasil – o que só foi acontecer no segundo semestre de 2020. Além disso, logo no início do programa entra um aviso comunicando que a produção seguiu todos os protocolos de segurança para conseguir realizar a gravação priorizando a saúde dos atores e da equipe. Isso fica bastante evidente com a preferência de locais bem abertos e arejados, sem outras pessoas que não as envolvidas na gravação, além do uso de máscaras a todos que não fossem os entrevistados. Fundamental, né?



7 – Participações especiais

Como era de se esperar – afinal, vimos isso na primeira temporada – nesses novos capítulos temos participações muito especiais de celebridades brasileiras, como o jornalista Evaristo Costa, a cantora Joelma e a influencer Thaynara OG.

Aproveite para assistir:

6 – Descobrir o Brasil



Uma das maiores críticas que Whindersson Nunes recebeu na primeira temporada de ‘Próxima Parada’ foi o fato de ter ido dar rolê no mundo, em vez de viajar pelo Brasil. Bom, ele acatou esse pedido da galera e, nessa temporada, as aventuras serão totalmente em território nacional.

5 – Descobrir o Brasil desconhecido

Não é qualquer Brasil que Whindersson Nunes explora em ‘Próxima Parada’: é aquele que não faz parte dos holofotes. A ideia nessa nova temporada é ir para lugares pouco visitados pelos turistas, para justamente mostrar as belezas que existem em nosso país para além do que as agências de viagem vendem. Assim, ele e seus amigos começam pelo Pará – em Santarém e Alter do Chão – e seguirão viagem pelo Amazonas, pelo Rio Grande do Sul e outros locais ainda não divulgados.

4 – Novos Comediantes

Whindersson Nunes é, por natureza, um comediante. Portanto, em seu programa pelo Brasil ele não se limitará apenas a mostrar a cultura e as paisagens das cidades, mas também jogará luz sobre comediantes locais, para dar aquela fortalecida no trabalho da galera. É assim que no primeiro episódio encontramos o paraense Murilo Couto, que serve de guia da turma por Alter do Chão, e conhecemos o Grupo Alternativos (João Augusto e Cauê Artur), que faz comédia improvisada com batida de rap.

3 – Paisagens belíssimas



Em se tratando de Brasil, dificilmente ‘Próxima Parada’ não teria belíssimas paisagens como pano de fundo, e já no primeiro episódio, no Pará, a dimensão do rio calmo com a praia e as canoas flutuando imediatamente faz a gente sonhar com umas férias naquele lugar. Whindersson Nunes acertou em cheio nas locações para gravar, hein!?

2 – Menos show do Whindersson, mais show dos outros

Se na temporada anterior acompanhamos Whindersson Nunes em sua turnê mundial e vimos algumas cenas e bastidores de suas apresentações, nesta temporada brasileira, a princípio, não teremos apresentações oficiais do comediante. No lugar, ganharemos apresentações de artistas locais: músicos, cantores e artistas que ganham a vida entretendo os turistas e cujos talentos devem ser descobertos pelo grande público. Ótima sacada!

1 – Whindersson Nunes soltinho, soltinho…


Como o próprio Whindersson anuncia no primeiro episódio, na época das gravações ele estava solteiro. Isso significa que ele vai aparecer soltinho, soltinho nos episódios, seja se dedicando a aprender a dançar carimbó, seja rebolando no convés de um barco. E isso é só o primeiro episódio…

Comentários

Não deixe de assistir: